Paraná

Homem preso por abusar sexualmente dos 6 filhos se enforcou durante banho de sol

Os três presos que estavam com ele na cela prestaram depoimento nesta manhã; segundo eles, homem estava calado

26/02/2019 15h14 | Atualizado em 26/02/2019 15h16
O homem de 45 anos preso por abusar sexualmente dois seis filhos em Diamante do Sul, foi encontrado morto dentro da cela durante o banho de sol. Isso foi o que afirmou o que relatou o delegado que cuida do caso Bruno Falci.

Falci ouviu os três detentos que estavam na cela juntamente com o homem. Segundo o depoimento dos presos, eles saíram por volta das 9h horas para tomar banho de sol, aproximadamente meia hora depois, um deles voltou a cela para pegar algum pertence, momento este que se deparou com o homem enforcado. Imediatamente ele chamou os policiais.

O delegado relatou, que o Homem de 45 anos utilizou a própria camisa que estava vestido para tirar a própria vida.

Os depoimentos dos detentos que estavam com ele, são parecidos. Segundo eles, após chegar o homem estava muito calado e quase não falava nada. Falci salienta que os três detentos que estavam juntos com ele na cela também respondem pelo crime de violência sexual.

Mesmo tento fortes indícios de se tratar de um homicídio a polícia ainda aguarda o laudo da criminalística para apontar a causa morte.

O corpo do homem chegou no Instituo Médico Legal de Cascavel no começo da tarde desta terça-feira (26).

O caso

O acusado estava detido desde o dia 21 e o caso só foi descoberto pela Polícia, porque um dos filhos do casal - um jovem de 20 anos, cometeu suicídio em 29 de janeiro de 2019 e então surgiu rumores de abuso sexual no núcleo familiar - a vítima não tinha quadro de depressão, envolvimento com drogas e nem vícios com álcool. O filho mais novo, um adolescente de 15 anos, foi submetido a exames no IML (Instituto Médico-Legal) que comprovaram os abusos.

A mãe das vítimas disse que soube do primeiro abuso sexual da filha - na época com sete anos, mas que não procurou à Polícia, pois ele pediu perdão e disse que não cometeria mais abusos contra os filhos.

Redação Catve.com



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.