FC Cascavel sofre gol nos acréscimos e estreia com empate na Série D

Partida foi realizada no Estádio Olímpico Regional

20 de setembro de 2020 | 18h00 | Atualizado há 30 dias

PUBLICIDADE
A caminhada inédita do Futebol Clube Cascavel na Série D do campeonato Brasileiro começou com um empate diante da Cabofriense.

Sem a presença do torcedor a diretoria do clube utilizou a estratégia de colocar uma torcida virtual nos auto-falantes do Estádio Olímpico Regional.

Em campo FC Cascavel começou dominando a partida. Não demorou muito para o gol sair. Jogada ensaiada de escanteio e o jovem Paulo Baya acertou um belo chute de fora da área para fazer o primeiro gol da história da serpente auri-negra em uma Série D de Campeonato Brasileiro com cinco minutos de jogo.

Aos oito minutos Magno teve a primeira chance dele no jogo e por pouco não ampliou.

Sete minutos depois foi a vez da Cabofriense dar um susto no goleiro Raul. Wander chutou com perigo na pequena área. A bola passou raspando a trave do FC Cascavel.

Na segunda tentativa de Magno na partida o atacante concluiu com capricho para ampliar a vantagem: 2 a 0 para o time da casa.

Aos 37 minutos o árbitro marcou pênalti para a Cabofriense. Após cobrança de escanteio a bola tocou na mão do jogador do FC Cascavel. Gustavo Coutinho cobrou com estilo e diminuiu.

Após o intervalo a equipe carioca voltou mais confiantes. E com três minutos o atacante Gustavo Coutinho fez o segundo dele na partida: 2 a 2.

O Cascavel parece que sentiu o gol de empate e a partida então ficou mais equilibrada.

Com 10 minutos o técnico Marcelo Caranhato fez duas alterações de uma vez só. Léo Itaperuna entrou no lugar de Franco e Quaresma substituiu Jr. Prego.

Mesmo com as mudanças a Cabofriense era quem chegava com mais perigo ao gol de Raul. Com dificuldades na criação o goleiro da Cabofriense foi pouco acionado.

O comandante da serpente voltou a mexer com 34 minutos. Caranhato promoveu a entrada de Pablo Pardal e Neto Costa. Saíram Magno e Oberdan, respectivamente.

Três minutos depois veio o terceiro gol do time cascavelense. Léo Itaperuna recebeu livre e bateu cruzado para colocar os donos da casa novamente em vantagem.

Quando a vitória parecia certa a equipe carioca arrancou o empate aos 50 minutos. Novamente Gustavo Coutinho, o terceiro dele na partida. Final de jogo: 3 a 3 no Estádio Olímpico.

Na segunda rodada o FC Cascavel visita o Bangu, no próximo sábado (26), enquanto a Cabofriense duelo com o Mirasol, no mesmo dia, no Rio de Janeiro.
Redação Catve.com
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM