Policial

Assaltantes roubam carro e dinheiro de loja e são presos após perseguição em Araucária

Além do carro e de R$ 4 mil em dinheiro, os criminosos levaram roupas, jaquetas e celulares


Imagem de Capa

Foto: Ilustrativa CATVE

Dois homens suspeitos de assaltarem uma loja de materiais de construção foram presos, na noite desta segunda-feira (26), após uma perseguição da Guarda Municipal (GM) que terminou em Araucária, na região metropolitana de Curitiba.

Segundo a GM, os assaltantes armados renderam funcionários do estabelecimento localizado em Contenda, também na região metropolitana da capital paranaense, e roubaram um veículo Fiat Strada, além de R$ 4 mil em dinheiro e joias.

Durante a fuga dos criminosos, a polícia foi acionada e uma equipe da Guarda Municipal recebeu informações de que eles estariam se locomovendo em direção à Araucária, pela PR-476.

"Nossa equipe veio ao encontro do carro roubado e nos deparamos com o veículo em determinado ponto. Fizemos a volta e se iniciou a perseguição. Eles [suspeitos] saíram da rodovia e pegaram uma marginal, após não obedecerem a ordem de parada. O motorista perdeu o controle da direção e caiu na pirambeira, no meio do mato. Eles desceram do carro rapidamente, e a equipe fez as primeiras varreduras no matagal, mas não os localizou", disse o agente Plath, da GM de Araucária.

Segundo o guarda, os suspeitos atiraram contra os agentes em meio à perseguição. Ao adentrarem na região do Rio Abaixinho, a cerca de 12 km da loja de materiais de construção, os suspeitos se envolveram em um acidente e caíram em uma espécie de pequeno abismo.

Moradores da região abordaram os agentes, aos gritos, e informaram que os suspeitos haviam sido vistos em uma área de matagal nas redondezas de onde aconteceu o acidente.

"A equipe estava procurando os suspeitos à esquerda da rodovia e, de repente, moradores nos abordaram e disseram que viram os dois suspeitos no matagal. Em seguida, os dois foram encontrados feridos e detidos."

O proprietário da loja de materiais de construção assaltada pela dupla disse que eles foram violentos durante o crime. Segundo o empresário, não havia clientes no local quando pelo menos quatro funcionários foram abordados.

Uma mochila com os itens roubados foi devolvida ao dono da loja. A polícia não localizou a arma usada por eles durante o assalto e o confronto. Ambos os suspeitos foram encaminhados a uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do município e deverão ser levados para a delegacia em seguida.

Banda B

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Policial
Últimas notícias de Policial