Policial

Filhos e genro do companheiro da empresária desaparecida são presos em Marechal

Empresária está desaparecida desde 27 de setembro


A Polícia Civil cumpriu quatro mandados de prisão preventiva e dois mandados de busca e apreensão em Marechal Cândido Rondon, contra pessoas investigadas no desaparecimento de Edna Storari. A empresária está desaparecida desde 20 de setembro, mas a situação foi informada à Polícia no dia 27, quando iniciaram as investigações. O companheiro da vítima alegava que ela teria viajado com um casal de amigos da igreja em uma missão para o Paraguai, sem celular, cartões e sem dizer o paradeiro correto dela. O principal investigado, era companheiro da vítima estava preso temporariamente desde 7 de outubro. Hoje foi cumprido o mandado de prisão contra ele, sem prazo para finalizar. No bairro Vila Gaúcha foi preso o filho do principal investigado, apontado como partícipe intelectual na morte e autor material no desaparecimento do corpo. No bairro Boa Vista foi preso a filha e genro do principal investigado, os quais são apontados como partícipes no desaparecimento do corpo e na tentativa de apagar provas do crime. As prisões são preventivas, portanto, sem prazo para acabar. Durante todo o inquérito diversas pessoas foram ouvidas, inúmeras diligências realizadas, relatórios de investigação produzidos que levaram a poder apontar participação de cada um no crime em questão. Conforme informado, toda a versão apresentada pelo companheiro foi desmentida dentro do inquérito policial não restando verdade em absolutamente nada do que o mesmo inventou. Agora o inquérito tem 10 dias para ser finalizado e enviado ao Judiciário e Ministério Público, com os devidos indiciamentos de cada um, que responderão por Feminicídio, Ocultação de cadáver e Fraude Processual.

Aqui Agora.net

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Policial
Últimas notícias de Policial