Policial

Adolescente disse que mataria mãe da vítima se ela não aceitasse o relacionamento

Polícia Militar deu detalhes da tentativa de estupro e ameaça que aconteceu ontem (18) no Riviera


Foto: Polícia Militar

PUBLICIDADE
O Capitão Diego Astori da Polícia Militar de Cascavel deu detalhes na manhã desta terça-feira (19) sobre a tentativa de estupro registrada na tarde de segunda-feira (18) no Conjunto Riviera. "Foi um crime extremamente violento, pois, permeia a violência doméstica, crimes sexuais e possibilidade de feminicídio", começou Astori. Adolescente de 17 anos invadiu uma casa onde mora a ex-namorada da mesma idade, lá também estava o irmão de 8 anos que fugiu assustado. No local, a vítima foi rendida, Capitão ressaltou que ele colocou uma faca no pescoço dela e disse que mataria a mãe caso não aceitasse o relacionamento deles. Em seguida, tirou a roupa dela para tentar estuprá-la. "A criança que fugiu, deve ser acompanhada pelo poder público com através de equipes de psicólogos encontrou outra família, contou o que estava acontecendo e pediu socorro", informou. Portanto, a Polícia Militar foi até o local atender a ocorrência, e apreender o suspeito, que foi levado até a 15ª SDP "É importante destacar a questão de envolvimento afetivo, amoroso e sexual que tem os adolescentes, pois, devem conhecer realmente os parceiros. Visto que há meninas que se relacionam com criminosos e o resultado pode ser parecido com esse", concluiu. Ainda salientou que as atitudes do adolescente podem ser antigas, com o objetivo de usar violência.

Redação Catve.com

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Policial
Últimas notícias de Policial