Criador clandestino de pássaros silvestres é multado em mais de R$ 50 mil

Ao todo foram apreendidos 116 aves, entre elas Trinca-Ferro, Azulão, Coleirinha, etc

04 de maio de 2021 | 09h18 | Atualizado há 8 dias

Foto: Polícia Ambiental
PUBLICIDADE
Mais de 100 pássaros silvestres que eram mantidos em cativeiro foram apreendidos, na segunda-feira (3), no Bairro Fraron em Pato Branco.

Segundo a Polícia Ambiental, a operação que incluiu o IAT (Instituto Água e Terra), aconteceu após uma denúncia que informava que um homem estaria comercializando aves silvestres, mantidas em cativeiro.

No local foram encontrados 116 pássaros silvestres entre eles: Trinca-Ferro, Azulão, Coleirinha, Pássaro Preto, Cardeal, Pimenta, Bicudo, Galo de Campina, Canário da Terra, Sábia Laranjeira e Sangue de Boi Bico de Veludo, todos aprisionados em gaiolas. Com apoio da Polícia Militar do 3° Batalhão da Polícia Militar.

O proprietário do local foi encaminhado para Termo Circunstanciado e recebeu uma multa de R$ 58 mil. As aves foram levadas para o Zoológico de uma universidade de Dois Vizinhos. Após exames as que tiverem condições serão soltas no habitat natural delas.
PP News
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM