Médico agredido: Polícia diz que agressão aconteceu após uma discussão familiar

De acordo com a Delegacia da Mulher, caso vai correr em segredo por se tratar de violência doméstica familiar

01 de março de 2021 | 18h28 | Atualizado há 39 dias

Foto: Reprodução Redes Sociais
PUBLICIDADE
A Polícia Civil (PC) de Toledo divulgou uma nota na tarde desta segunda-feira (01) sobre a publicação do médico infectologista do município, que denunciava uma agressão.

De acordo com a PC, o Doutor José Eduardo Mainart Panini não compareceu à delegacia para relatar a situação. Mas outra pessoa envolvida na briga registrou um boletim de ocorrência, afirmando ter sido agredida pelo médico. Mas no registro conta que a briga aconteceu por conta de um desentendimento familiar e não envolve o ambiente profissional ou público.

A Delegacia da mulher de Toledo também se manifestou dizendo que por se tratar de um assunto de "violência doméstica familiar" o caso vai ocorrer em segredo de justiça.

Até o momento não foi informado o que de fato aconteceu, a Polícia Civil vai investigar o caso.

Nota da Polícia Civil

A Polícia Civil de Toledo ante aos questionamentos dos veículos de imprensa acerca de publicação em rede social do Sr. Jose Eduardo Mainart Panini, médico na cidade de Toledo, onde este relata ter sido vítima de agressão física na data de 26/02/2021, vem a público esclarecer que apesar do Sr. José Eduardo Mainart Panini não ter comparecido até a presente data junto ao plantão da Unidade Policial para maiores detalhes do ocorrido, há registro de ocorrência realizado por outra pessoa informado da agressão física sofrida pelo médico, ocorrência esta registrada no mesmo dia 26/02/2021, constando no histórico do boletim de ocorrência contexto de que o mencionado médico fora vítima de agressão física em razão de um desentendimento familiar, não sendo feita nenhuma referência quanto a ambiente profissional ou público. A Polícia Civil de Toledo segue na apuração do ocorrido.

Sobre a publicação do médico

Um médico infectologista do Município de Toledo publicou na internet nesta segunda-feira (1), uma foto para denunciar uma agressão.

Na publicação, José Eduardo Panini, conta que após a decisão do novo decreto estadual última sexta-feira (26), foi espancado por dois conhecidos, após ter alertado sobre os riscos que a pandemia na região.

O médico ainda fala que enquanto um segurava o outro dava chutes e socos. Para finalizar ele lamenta a situação e diz que por pessoas assim, a situação da pandemia, chegou onde está.

Publicação do médico

Na sexta-feira, após horas de reunião pra determinar o que seria ou não fechado, baseado num Decreto do Estado do Paraná. Já deixo claro, que baseado nos números não há mais nada a que fazer, senão as coisas só piorarão. Ao alertar os riscos a pessoas conhecidas, a resposta que me foi dada foram chutes e socos, enquanto um me segurava o outro me agredia. Enfim pessoas assim que ajudaram situação chegar onde está! O desânimo não vem! E junto com eles temos muita coisa boa, progresso, vacinas e tudo que vai fazer sairmos dessa pandemia! E aos trabalhadores da saúde muita força!
Redação Catve.com
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

NOTÍCIAS RELACIONADAS


VEJA TAMBÉM