Cotidiano

Paraná tem aumento de 500% nos casos de coqueluche em relação a 2023

Saúde faz alerta sobre a importância da vacinação


Imagem de Capa

Imagem: Catve

A coqueluche é uma doença infecciosa aguda respiratória e é altamente contagiosa, ela é popularmente conhecida como uma tosse comprida. Uma pessoa com coqueluche pode infectar de 12 a 17 outras pessoas. Por muito tempo a coqueluche, desapareceu graças a vacinação. Mas nos últimos tempos, ela ressurgiu e tem preocupado. 

Para se ter uma ideia, no Paraná, de janeiro até a primeira quinzena de junho, foram confirmados 24 casos, 500% a mais em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram diagnosticados quatro casos. Em 2023, no ano inteiro, foram 17. Cinco foram na região de Cascavel.

Na 10ª Regional de Saúde, em 2023, foram dois casos em Cascavel, dois em Santa Tereza e um em Três Barras do Paraná. Neste ano, sete casos suspeitos foram descartados. 

Nas crianças, a vacina deve ser feita aos 2, 4 e 6 meses de vida, já os reforços aos 15 meses e aos quatro anos. Em Cascavel, a cobertura vacinal está em 88,61%. O recomendado pelo Ministério da Saúde é 95%.

Confira mais detalhes no vídeo:

JC

PUBLICIDADE

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Cotidiano
Últimas notícias de Cotidiano