Medianeira

Mulher cai em golpe e paga pelo falso sequestro da filha em Medianeira

Vítima recebeu ligação em que criminosos diziam ter sequestrado a filha dela

05/06/2020 12h58 | Atualizado em 05/06/2020 13h01
Foto: Guia Medianeira
Uma mulher foi vítima do golpe do falso sequestro em Medianeira, no Oeste do Paraná, nesta sexta-feira (05). Ela realizou transferências de dinheiro para os criminosos após ser informada que sua filha havia sido sequestrada.

De acordo com informações de familiares, a vítima recebeu uma ligação no telefone fixo da residência, no final da madrugada, na qual os estelionatários diziam ter sequestrado a filha dela e pediam dinheiro para libertá-la. Após receber a ligação, a mulher acreditou ter ouvido a voz da filha ao telefone e saiu de de casa para tentar conseguir o dinheiro, sem comunicar o fato para algum familiar.

Os familiares notaram a atitude estranha da mulher e divulgaram o fato nas redes sociais para tentar localizá-la, tendo em vista que a mulher não atendia as ligações. A polícia também foi comunicada.

Ainda de acordo com o relato de um dos familiares, a mulher foi instruída pelos falsos sequestradores a permanecer em um hotel das 06h às 07h30. Durante o período, eles mantiveram contato via celular com a vítima e realizaram ameaças.

Posteriormente, os golpistas orientaram para que ela fosse até caixas eletrônicos e agências bancárias da cidade para efetuar saques e transferências de valores, como forma de resgate pela filha.

Em uma das agências, a mulher conseguiu falar para um dos funcionários que estaria sendo seguida e ameaçada pelos sequestradores. O funcionário fez contato com os familiares da mulher e também acionou a polícia.

Segundo familiares, a mulher realizou transferências de dinheiro para os falsos sequestradores, mas o valor total não foi informado.

Após confirmar que a filha estava bem, a família conseguiu bloquear algumas das transferências, evitando um prejuízo maior.

Guia Medianeira



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.