Policial

Menino é feito refém durante 16 horas por ex-namorado da mãe

Homem já matou uma mulher e colocou rato morto na boca dela


Imagem de Capa

Foto: Reprodução

O homem que manteve um menino de 7 anos refém por 16 horas em Belo Horizonte (MG), nesta quinta-feira (22) já tinha sido preso pelo homicídio de uma ex-namorada, de acordo com a Polícia Militar. 

Leandro Mendes Pereira, de 39 anos, cometeu o crime em 2008, após se indignar com o fim do relacionamento. Ele matou a vítima asfixiada usando o sutiã dela e, depois do assassinato, ainda colocou um rato morto na boca da mulher.

De acordo com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais (Sejusp), Leandro ficou preso até junho de 2016, e passou a cumprir a pena em regime aberto.

O homem estava sob liberdade condicional quando, na quarta-feira, 21, invadiu a casa da mais recente ex-namorada e manteve em cárcere privado o filho dela, de 7 anos, e um amigo da família, de 23 anos.

Após 16 horas, Leandro foi baleado por um atirador de elite da Polícia Militar. Agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) realizaram a negociação pela libertação das vítimas sem sucesso. Após o disparo, a criança e o rapaz foram resgatados em segurança.

Terra

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Policial
Últimas notícias de Policial