Policial

Atirador de Realeza morre em casa hospitalar de Francisco Beltrão

Erli de Oliveira, de 40 anos, faleceu em decorrência dos ferimentos ocasionados por arma de fogo


Foto: Reprodução

Erli de Oliveira, de 40 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (09) em Francisco Beltrão.

Em uma discussão generalizada, Erli atirou em sete pessoas, sendo que uma delas, Silmar Machado, de 35 anos, morreu no tiroteio que aconteceu em Realeza, no fim da tarde de domingo (08).

Erli estava internado em estado grave em uma casa hospitalar em Francisco Beltrão.

SOBRE O CASO:

Tiroteio terminou com uma vítima morta e várias feridas na Linha Capanema em Realeza, no fim da tarde de domingo (8).

Conforme informado pela Polícia Militar, após desentendimento, um homem foi retirado do local e na sequência retornou ao espaço onde era realizado o matinê e iniciou os disparos. No local estavam diversas pessoas, entre elas crianças, casais e idosos.

Na situação foram sete pessoas feridas. Uma não resistiu e morreu, duas estão em estado grave, sendo uma delas um que atuava como segurança.

As vítimas com estado de saúde mais delicado foram encaminhadas para hospitais de Francisco Beltrão. Já as demais com ferimentos de leves a moderados foram atendidas em Realeza.

Equipes da Polícia Militar, Samu e Polícia Civil estiveram na Linha Capanema para atendimento dos feridos, isolamento do local e apuração dos fatos.

O caso será investigado para apurar a real motivação do crime e os envolvidos.  

Redação Catve.com

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais lidas de Policial
Últimas notícias de Policial