Sumiço de casal completa 72 dias sem pistas ou possível paradeiro dos corpos

Kawane e Rubens sumiram em 3 de agosto; cinco pessoas estão presas por envolvimento no duplo homicídio

15 de outubro de 2020 | 13h22 | Atualizado há 42 dias

PUBLICIDADE
A Polícia Civil segue à procura de pistas para tentar localizar os corpos de Rubens Biguetti e Kawane Cleve, desaparecidos desde o dia 3 de agosto, em Goioerê, norte do Paraná.

Laudos periciais realizados nos celulares dos presos por envolvimento no crime, bem como na casa e nos carros utilizados pelos suspeitos são aguardados e podem auxiliar no paradeiro dos corpos, já que a investigação aponta duplo homicídio.

A família do casal disse que já recebeu várias informações e até já auxiliou a polícia nas buscas por possíveis lugares onde os dois poderiam estar enterrados, mas nada foi localizado nas áreas de mata fechada.

O casal morava em frente a casa da mulher apontada como a mandante do crime. Uma desavença entre ela e a Kawane é investigada sobre a motivação do crime.

Passados 72 dias do desaparecimento dos dois, a família pede por ajuda, por informação.

A Polícia Civil segue investigando, mas nova buscas com cães farejadores e demais ações só devem ocorrer com novas denúncias.
Informações devem ser repassadas pelo 190 e 197 de forma anônima e gratuita.
Redação Catve.com
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

NOTÍCIAS RELACIONADAS


VEJA TAMBÉM