Seguem foragidos os dois homens que atropelaram e mataram Amanda Prado

Vítima morreu ao ser arrastada por mais de 20 metros na Rua Marechal Cândido Rondon

15 de junho de 2020 | 08h06 | Atualizado há 126 dias

PUBLICIDADE
Seguem sendo procurados os dois homens envolvidos na morte de Amanda Prado de Amorim de 19 anos, morta em acidente na semana passada em Cascavel.

O acidente fatal na madrugada de sexta-feira (12), quando Amanda e a amiga Érika Cristina seguiam pela Rua Marechal Cândido Rondon, foram perseguidas pelos dois ocupantes do veículo Kadett.

A jovens foram atingidas na traseira e Amanda que estava na garupa da motocicleta arrastada pelo carro por mais de 20 metros. Érika conta que os homens, mesmo com a vítima presa embaixo do carro, ainda tentaram fugir com o veículo, mas não conseguiram.

A Delegacia de Homicídios está à procura dos acusados que já foram identificados. Eles vão responder por homicídio doloso, já que houve a intenção de matar a vítima quando ele lança o carro contra as duas jovens que estavam na motocicleta.

Érika, que sobreviveu ao acidente teve fratura na bacia e segue em tratamento sem risco de morte.
Redação Catve.com
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

NOTÍCIAS RELACIONADAS


VEJA TAMBÉM