Cafelândia

Bope vai participar da negociação para libertar reféns em Cafelândia

Menino de 12 e uma menina de 14 anos são são feitos reféns pelo padrasto

02/12/2019 19h56 | Atualizado em 03/12/2019 18h11
O padrasto que faz dois adolescentes reféns, em residência na Rua Elizabeta Pereira, no Bairro Benjamim Antônio Motter, em Cafelândia, nesta segunda-feira (2), tem 39 anos. As vítimas são um menino de 12 e uma menina de 14 anos.

Segundo os familiares, o homem trabalha em uma chapeação. Quando o chefe percebeu a ausência do funcionário ligou para a esposa do mesmo e questionou onde ele se encontrava.

Em seguida a mãe dos adolescentes, que estava no trabalho ligou para o companheiro. Ele respondeu que estava trancado em casa com os jovens e não iria liberará-los.

Ainda segundo os familiares, o homem tem problema psiquiátricos, já foi internado por alcoolismo.

Batalhão de Choque da Polícia Militar de Cascavel está em Cafelândia e faz parte das negociações com o homem.

Vizinhos e familiares fazem uma corrente de oração em volta da residência onde ocorre o cárcere, e oram pela liberdade dos jovens.

A Polícia Militar informou que está chegando uma equipe do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) de Curitiba para as negociações.

Redação Catve.com



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.