Ciclista morto em acidente em Marechal C. Rondon segue sem identificação

Amostras encaminhadas a Curitiba devem confirmar identificação

16 de setembro de 2020 | 01h30 | Atualizado há 3 dias

Foto: Cristine Kempp/Aqui Agora.Net
PUBLICIDADE
Segue sem identificação o corpo do ciclista que morreu ao ser atropelado por um carreta no último dia 10, na BR 163, em Marechal Cândido Rondon. A vítima foi arrastada por cerca de 15 metros e não portava documentos.

O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico-Legal) de Toledo e até o momento nenhum familiar buscou identificá-lo. Amostras foram coletadas e encaminhadas a Curitiba onde exames devem confirmar a identidade do homem.

Uma pré avaliação indicou uma possível identidade de sobrenome Nascimento, mas somente o exame oficial, que deve ficar pronto até o fim de semana poderá confirmar. A pessoa em questão trata-se de um homem de 39 anos, natural de Cascavel.

O ACIDENTE
O acidente aconteceu na pista sentido Guaíra. Conforme informações apuradas no local, o ciclista atravessava a via quando foi atingido pela carreta, que tem placa de Içara (SC). O condutor relatou que não teve tempo de desviar da vítima.

O ciclista foi arrastado por mais de 15 metros e teve morte instantânea. Já o caminhão e a bicicleta pararam a cerca de 150 metros do local do atropelamento.
Aqui Agora.Net
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

NOTÍCIAS RELACIONADAS


VEJA TAMBÉM