Cotidiano

Caçambas para ajudar no combate à dengue estão sendo usadas de forma irregular, em Cascavel

Saiba o que pode o que não pode ser destinado nas caçambas


Imagem de Capa

As primeiras 3 caçambas foram instaladas na semana passada, no bairro Santa Cruz. E de uma certa forma, sim. A população está utilizando elas, mas de maneira incorreta.

Uma instalada na esquina da rua xavantes com a rua carijós, tem de tudo. O que pode: como garrafas e pequenos potes, mas principalmente: o que não pode

E nem adianta a faixa com orientações. Tem restos de construção civil, madeira, grandes caixas, armário e até mesmo material orgânico.

Em outra caçamba na rua Tixikaos mais móveis e o que impressiona é o número de eletrônicos e peças de automóveis descartadas, mesmo com o aviso do que pode e não pode.

Na caçamba da Rua Kamaças o cenário é parecido. Por lá até roupa e calçados. Tão cheia que volumosos com pneus e cadeiras ficam espalhados pelo chão mesmo.

O lixo fica também exposto ao redor dela.

O que pode nas caçambas: pequenos volumes como latões, vasos, baldes, pequenos potes.

O que não pode nas caçambas: volumosos como móveis, eletrodomésticos, eletrônicos, grandes entulhos, restos de materiais de construção.

Para o descarte deste tipo de material a população deve acionar a Secretária de Meio Ambiente e agendar o recolhimento pelos telefones 3902 13 92, 3902 13 83 e tem ainda o WhatsApp 9 9136 15 01

As 15 caçambas são distribuídas seguindo a ordem dos bairros com maior índice de registros. Cataratas que vai receber 3 caçambas, Periolo 3 caçambas, Santa Cruz, total de 6 caçambas, 4 Esmeralda 3 caçambas.

Lembram do de acordo com o último boletim, Cascavel já registra mais de 330 casos confirmados de dengue.

Confira mais detalhes no vídeo:


JC

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Cotidiano
Últimas notícias de Cotidiano