Cotidiano

Assinado contrato para a construção da Ponte de Guaratuba

Ponte terá um comprimento total de 1.244 metros


Imagem de Capa

PUBLICIDADE

O contrato para a construção da Ponte de Guaratuba foi assinado nesta segunda-feira (5) pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior.

O próximo passo é a emissão da Ordem de Serviço (OS) e, a partir de então, o Consórcio Nova Ponte, vencedor do processo licitatório pelo critério de menor preço, terá 32 meses para concluir o projeto, orçado em R$ 386,9 milhões.

"Hoje é um dia muito importante para o Paraná. Assinamos o contrato que tira do papel um sonho antigo da população do nosso Litoral, que era aguardada há 40 anos e que conseguimos finalizar os estudos necessários em menos de quatro anos. Em conjunto com outras obras, como a revitalização da Orla de Matinhos, esta obra vai modernizar e transformar a estrutura litorânea", afirmou o governador.

Ele informou que ainda nesta semana o Departamento de Estradas e Rodagem (DER/PR) fará audiências públicas para garantir a transparência do processo e a participação dos interessados. "Nos dias 7 e 8 de dezembro teremos as audiências públicas sobre as questões ambientais com a população de Matinhos e Guaratuba para o envio de sugestões, que poderão ser acrescentadas pela empresa responsável ao projeto", acrescentou o governador.

A ponte terá um comprimento total de 1.244 metros, com largura útil mínima de 22,60 metros. Serão quatro faixas de tráfego para os veículos, de 3,6 metros cada, além de duas faixas de segurança e barreiras de proteção rígidas de concreto New Jersey. Moradores e turistas também poderão se deslocar a pé ou de bicicleta em uma estrutura exclusiva de 3 metros de largura, além de um guarda-corpo de segurança.

Além da estrutura principal da ponte, estão previstas intervenções nas vias de acesso, com alargamento da PR-412 na margem norte, que também receberá muros de contenção. Também será implantado um retorno sob a ponte para ligação das vias locais e conexão da Estrada do Cabaraquara com Matinhos.

Na margem sul, está prevista uma rótula alongada para ligação do bairro Caieiras, a correção de nível da pista de rolamento e adequação de curva, além de implantação de uma alça de acesso à Rua Nossa Senhora de Lourdes. Ao todo, entre ponte e vias de acesso, a extensão da obra chega a 3,07 quilômetros.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Fernando Furiatti, a assinatura do contrato é uma das etapas mais importantes do processo licitatório. Ele também explicou os próximos passos, a partir da OS. "Serão dois meses para a empresa obter a licença ambiental, mais seis meses de projeto e, após isso, a execução da obra em si. Temos obra da ponte em si, mais acessos e entroncamentos que ligam alguns bairros da região, como a estrada do Cabaraquara, totalizando 24 meses de obras e 32 meses entre todas as fases", explicou.

AEN-PR

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Cotidiano
Últimas notícias de Cotidiano