Cotidiano

Morre empresário Cláudio Petrycoski, de Pato Branco

Era pai de cinco filhos e avô de doze netos. A prefeitura de Pato Branco decretou luto oficial de três dias


O governador Carlos Massa Ratinho Junior lamenta profundamente a morte do empresário Cláudio Petrycoski, de Pato Branco, no Sudoeste, aos 73 anos, na noite desta quarta-feira (23). Cidadão Benemérito do Paraná, ele fundou a Atlas Eletrodomésticos, uma das maiores empresas do segmento no Brasil.

"Cláudio era um amigo e uma liderança importante de todo o Paraná. Ele ajudou Pato Branco a se tornar um polo da região porque, além de empresário, trabalhava em projetos em prol do município, como a ampliação do aeroporto. Seu legado é imenso", afirmou Ratinho Junior.

Ele nasceu em Pato Branco em 1949, quando o município ainda era distrito de Clevelândia. Começou a trabalhar com o pai no setor de fogões e em 1985 assumiu a presidência da Indústria de Fogões Petrycoski, momento em que iniciou o trabalho de investimento e profissionalização do ramo. A partir de 1997 a empresa dava início ao processo de exportação e mudança de nome para Atlas Eletrodomésticos.

Além da atuação no mercado privado, era vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná - FIEP desde 1998 e teve grande atuação no Instituto Regional de Desenvolvimento Econômico e Social (Irdes), onde era presidente, no Sindimetal Sudoeste e na Agência de Desenvolvimento do Sudoeste.

Ele tinha no currículo o Diploma do Mérito Industrial, concedido pelo Sistema Fiep, o Troféu Empresarial do Fórum Nacional de Líderes Empresariais, e Tops de Marketing da ADVB-PR. Era pai de cinco filhos e avô de doze netos. A prefeitura de Pato Branco decretou luto oficial de três dias.

Assessoria

** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

Mais lidas de Cotidiano
Últimas notícias de Cotidiano