Foz do Iguaçu

Ex-vereador Marino Garcia reassume o cargo por decisão judicial em Foz

Em 2016, Marino Garcia foi preso juntamente com outros 11 vereadores da cidade pela Operação Peculio

04/07/2019 15h15 | Atualizado em 04/07/2019 15h34
A sessão de hoje foi a última com a participação do vereador João Sabino do Patriota. A partir de amanhã, ele será substituído pelo ex-vereador Marino Garcia que conseguiu na justiça o direito de voltar ao plenário depois de dois anos.

Em 2016, Marino Garcia foi preso juntamente com outros 11 vereadores da cidade pela Operação Peculio logo depois da diplomação como segundo suplente que Rudinei de Moura que também foi preso.

Rudinei foi cassado e no lugar dele assumiu, o dr. Brito que renunciou depois de também ser preso em outra fase da Peculio. Marino Garcia deveria assumir o posto, mas como estava proibido de chegar perto da Câmara, a cadeira foi passada para João Sabino que agora perde o posto com a decisão da justiça federal de empossar Marino.

O ainda vereador João Sabino não quis comentar a decisão judicial. No início da semana ele protocolou um pedido no jurídico da Câmara para tentar barrar a troca, alegando que Marino Garcia foi expulso do partido por decoro parlamentar depois da prisão, mas o recurso caiu com a decisão judicial.

Jornal da CATVE



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.