Covid-19: Ministro da Saúde fala sobre medidas de enfrentamento em Manaus

O ministro declara que as vacinações iniciam ainda neste mês

13 de janeiro de 2021 | 11h09 | Atualizado há 4 dias

PUBLICIDADE
Na manhã desta quarta-feira (13), em pronunciamento, o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello fala sobre ações de fortalecimento para enfrentamento da Covid-19 no Amazonas.

Em declaração, Pazuello garante que após a liberação da Anvisa, serão em média 5 dias para que os brasileiros comecem a ser vacinados, e que para os amazonenses não será diferente.

"Vamos vacinar em janeiro, e Manaus será também a primeira a ser vacinada. Ninguém receberá a vacina antes de Manaus, será simultâneo em todos os estados em sua proporção de população, e Manaus terá essa prioridade também".

O Ministro explica ainda que, após a vacinação, demoram-se alguns dias para que o organismo produza anticorpos à doença, e que o primordial nessa frase de enfrentamento é o atendimento clínico nas Unidades Básicas de Saúde para um tratamento correto.

O Ministério da Saúde aguarda a liberação das duas possíveis vacinas, a AstraZeneca, da Fiocruz, e a CoronaVac, do Butantan.
Redação Catve.com
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM