Eleições 2018

Dr Rosinha diz ser atacado à bomba durante campanha em Curitiba

Em nota candidato a governo do estado repudia qualquer ato de violência que fere, sobretudo, a democracia

13/09/2018 20h12 | Atualizado em 13/09/2018 20h33
Foto: Assessoria
O ex-deputado federal e candidato ao governo do Estado pelo Partido dos Trabalhadores, Dr. Rosinha, relatou na tarde desta quinta-feira (13) que foi alvo de um atendado à bomba.

A situação aconteceu na Rua XV no Centro de Curitiba durante um ato de campanha do candidato que entregava panfleto a populares no local.

Segundo a nota divulgada, ele realizava a distribuição, quando um suspeito teria jogado uma bomba em direção a Dr. Rosinha. O objeto não chegou a ferir o candidato, que passa bem apesar do susto.

O candidato ao governo Estado condenou o ataque a Jair Bolsonaro e também as supostas agressões feitas pela Polícia Militar e Guarda Municipal aos candidatos a deputados estaduais Edna Dantas e Renato Freitas, também do PT.

Confira a nota na integra:
"Dr. Rosinha estava, no final da tarde de hoje (13), panfletando na Rua XV. É uma atividade que ele gosta muito de fazer, de corpo a corpo e contato direto com os eleitores, e vem realizando desde sua primeira candidatura para vereador de Curitiba. Hoje, infelizmente, ele foi mais uma vítima da escalada de violência e intolerância que ameaçam a política brasileira e paranaense: um desconhecido jogou uma bomba no candidato em pleno centro da cidade, na hora do rush. Apesar do susto, Dr. Rosinha não ficou ferido e passa bem.

O candidato e sua campanha repudiam veementemente qualquer ato de violência que fere não apenas candidatos, mas também e sobretudo a democracia. Não é aceitável que, em pleno 2018, o ódio tenha se tornado o combustível da política. Vale lembrar que recentemente Dr. Rosinha condenou o ataque ao candidato à presidência da República Jair Bolsonaro, ainda que com ele divirja em tantos aspectos, e também à arbitraridade da Polícia Militar, que agrediu e deteve a candidata a deputada estadual Edna Dantas, do PT, há apenas uma semana, e da Guarda Municipal, que atirou balas de borracha no candidato a deputado estadual Renato Freitas, também no PT, no último domingo.

Dr. Rosinha sempre se colocou como candidato do diálogo e absolutamente oposto a qualquer forma de violência. Esse triste incidente apenas reforça a necessidade de lutarmos por paz e civilidade, e, agora com ainda mais vontade, Dr. Rosinha confirma sua presença na sabatina da PUC-PR hoje às 19h".

Catve.com



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.