Alonso Tomaz

Caríssima carne, por Alonso Tomaz

24/01/2020 15h48

Fui ao mercadinho
Do seu Sidnei
Comprar uma carninha
Me assustei com o preço
Da bandejinha
Quase tive um troço
Falei com o açougueiro
Meu bom companheiro
Pega carro no negocio
Ele não sorriu, não curtiu
E fez uma cara feia
Feia mesmo era a carestia
A vontade que eu tinha
De comer uma chuleta
Uma paleta, uma maminha
Não deu pra encarar
Não pude comprar
Só deu pra levar ovo e sardinha
Uma latinha

Leia outros artigos de Alonso Tomaz


Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Card image cap

O mal, por Alonso Tomaz


14/03/2020 19h49

Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe