Quantidade de acidentes de trabalho na construção civil preocupa

O ano de 2014 deve fechar entre 35 e 40 acidentes com duas mortes

06 de janeiro de 2015 | 13h54 | Atualizado há 2526 dias

PUBLICIDADE
Hoje o canteiro de obras amanheceu fechado, apenas um funcionário fazia a segurança do local. Do lado de fora técnicos faziam os reparos na rede telefônica danificada durante o acidente. O que restou da grua está amontoado no pátio junto com as placas de concreto que atingiram Gabriel Costa Morais de 18 anos.

A tragédia só não foi maior por causa do horário, os funcionários tinham recém almoçado e como de costume estavam do lado de fora do canteiro, aproveitavam a sombra da árvore, por sorte também não passava nenhum carro no momento em que a grua caiu.

Ainda não se sabe o que causou o acidente, apenas um laudo técnico poderá esclarecer o caso, a suspeita é que Gabriel operava o equipamento já que um caminhão aparece estacionado dentro do canteiro, o local havia passado por vistoria do Sindicato dos Trabalhadores recentemente e cumpria todas as normas de segurança.

As placas de concreto faziam o contrapeso da grua, cada uma marca 1.050 quilos, foi necessária a ajuda de uma retroescavadeira para retirar o material e socorrer Gabriel, ele passou por uma cirurgia e o estado de saúde ainda é grave.

Oficialmente esse foi o primeiro acidente de trabalho do ano na construção civil, mas 2014 encerrou com estatísticas negativas, o balanço ainda incompleto indica que o número de acidentes será dentro da média de anos anteriores, entre 35 e 40, mas quatro trabalhadores perderam a vida no exercício da função, dado que não expõe a realidade do setor, extra oficialmente a ocorrência de acidentes de trabalho é muito maior.

Um canteiro de obras é um local propício para a ocorrência de vários tipos de acidentes, desde pequenas quedas até cortes, queimaduras e choques elétricos, por isso a importância do uso correto dos equipamentos de segurança.

Há quase dois anos não era registrado nenhum incidente envolvendo gruas na cidade.
Jornal da Catve 1ᵃ Edição
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM

<