Toledo

Dois adolescentes são apreendidos suspeitos de matarem jovem em Toledo

O adolescente de 17 anos conhecia Eduardo e atraiu ele.

12/04/2016 14h06 | Atualizado em 12/04/2016 16h03

Dois adolescentes de 14 e 17 anos estão apreendidos suspeitos da morte do estudante de pedagogia Eduardo Serenini de Moura, 23 anos em Toledo, no oeste do Paraná.

Os dois menores foram localizados pela Polícia Civil que vai se pronunciar sobre as investigações do crime no fim da tarde de hoje (12).

Eduardo foi assassinado com crueldade na noite de sexta-feira (09). Eduardo teve os pés e as mãos amarrados, foi degolado, ferido com facadas no peito e atropelado pelos assassinos. O corpo foi localizado no sábado em uma estrada perto do Clube Caça e pesca.

A polícia descarta que jovem gay tenha sido morto por homofobia, a morte é tratada como latrocínio.

O adolescente de 17 anos conhecia Eduardo há cinco meses, e de acordo com o delegado Donizete Botelho, atraiu o universitário assassinado. Os suspeito negaram ter premeditado a morte e disseram que mataram o rapaz para roubar o carro, que foi levado ao Paraguai.

Redação Catve.com