Paraná - 17/02/2017 13h22 - Atualizado em 17/02/2017 13h23

Detran reforça cuidados com as crianças no trânsito

Detran traz dicas que podem ajudar o condutor a redobrar os cuidados

Compartilhe
Publicidade


A rotina apressada, os deslocamentos constantes e alguns gestos e situações comuns do dia a dia podem fazer com que muitos pais percam a atenção no trânsito enquanto dirigem. O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) traz dicas que podem ajudar o condutor a redobrar os cuidados com crianças dentro do veículo.

"Dirigir exige disciplina. As crianças naturalmente já demandam a disposição dos condutores. Por isso, qualquer outra ação, mesmo que por poucos segundos, pode gerar acidentes fatais", alerta o diretor-geral do Detran, Marcos Traad. Times New Roman;serif

As ações mais frequentes dos motoristas que causam distrações no trânsito são o uso do celular e do rádio, se alimentar ou beber enquanto dirige, fumar, procurar objetos no interior do carro e até mesmo se maquiar. Todas elas são infrações previstas no Código de Trânsito Brasileiro e acarretam multa e pontuação na Carteira Nacional de Habilitação, além de aumentarem os riscos de acidentes.

A jornalista Melina Pockrandt lembra de um episódio que aconteceu com ela e a filha, Júlia, de um ano, e que trouxe um grande aprendizado.

"Eu estava num dia corrido e saí para levar minha filha à escola quando recebi, no meio do camTimes New Roman;serifinho, uma mensagem que me deixou irritada. Perdi a concentração e, quando vi, estava na garagem do meu escritório, sem ter me dar conta de que não tinha passado pela escola", conta. "Peguei minha bolsa e, por força do hábito, olhei no banco de trás. Minha filha estava ali, sentada na cadeirinha. Levei um susto e percebi o quanto a rotina é cruel. Ela poderia ter ficado no carro se eu não tivesse olhado para trás", alerta.

A estudante de Psicologia e mãe de Benjamim, Alba Graziela Cidral, conta que adotou um método para evitar que as distrações e acabem em acidentes.

"Eu tenho um filho de dois anos que ainda não frequenta escolinha e, por isso, procuro levá-lo comigo para todas as minhas atividades de rotina. Antes de sair de casa, evito deixar comidas ou outros objetos nas mãos dele que possam desviar minha atenção no trânsito", compartilha.

AEN




Últimas Notícias
Homem leva dois tiros na cabeça em tentativa de assalto em Curitiba
Para líder, governo já tem votos para aprovar reforma da Previdência
Sociedade Rural Brasileira:Carne Fraca pode ter efeitos positivos no agronegócio




COPYRIGHT CATVE.TV | 2011 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MOBILE READY