Mamborê - 11/04/2016 16h56 - Atualizado em 11/04/2016 17h55

Motorista do ônibus acidentado em Mamborê não foi baleado, diz a perícia

Mortes ocorreram por batida em árvore. Nenhum dos mortos foi baleado

Compartilhe
Publicidade


O acidente provocado por assaltantes na madrugada de sábado (09) em Mamborê, próximo à Campo Mourão, deixou 11 mortos e 23 feridos. Inicialmente a Polícia trabalhava com a hipótese de que o motorista teria sido atingido por um tiro, já que os assaltantes abriram fogo contra o coletivo para forçar parada.

A perícia feita nos corpos de Claudio Cordeiro e Elísio Cordeiro, responsáveis pela condução do ônibus, concluiu que eles não foram baleados antes do acidente.

O IML de Campo Mourão vai emitir parecer oficial na próxima quarta-feira (13), no entanto, a Polícia Civil diz que nenhum dos mortos foi ferido por tiros e as mortes aconteceram devido à colisão do veículo com uma árvore.

Sete homens e quatro mulheres morreram. Duas mulheres de Maringá estão entre os mortos. Os outros nove são do interior de São Paulo. 23 pessoas ficaram feridas, seis seguem internadas, três delas em estado grave.

Apenas uma pessoa foi atingida por um tiro na perna. Ela segue internada em Campo Mourão.

Redação Catve.com




Últimas Notícias
Meirelles confirma que governo estuda usar FGTS no lugar do seguro-desemprego
Motociclista fica ferida em colisão no Centro de Toledo
Com ajuda de helicóptero, polícia continua buscas por menino que caiu em rio




COPYRIGHT CATVE.TV | 2011 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MOBILE READY