Mundo

CR7 recusou oferta de R$ 1 bilhão para jogar em clube chinês

O Real Madrid é a vida dele e Cristiano Ronaldo está feliz lá. É impossível ele ir para a China", disse Jorge

30/12/2016 13h40 | Atualizado em 30/12/2016 13h40
Cristiano Ronaldo rejeitou uma oferta de aproximadamente R$ 1 bilhão para se transferir à China. De acordo com o empresário do jogador, Jorge Mendes, o português recebeu uma proposta de 257 milhões de libras para defender uma equipe do país asiático. O clube não foi revelado.

O empresário ainda revelou que o salário de Cristiano Ronaldo giraria em torno de 85 milhões de libras por ano (R$ 340 milhões). Para fins de comparação, o argentino Carlitos Tevez tornou-se o jogador mais bem pago do mundo ao aceitar um salário de 32 milhões de libras (R$ 129 milhões) anuais para defender o Shanghai Shenhua.

"Dinheiro não é tudo. O Real Madrid é a vida dele e Cristiano Ronaldo está feliz lá. É impossível ele ir para a China", disse Jorge Mendes, em entrevista ao canal Sky Sports.

"O mercado da China é novo. Você pode comprar muitos jogadores, mas, de novo, é impossível o Cristiano Ronaldo ir. Ele é o melhor jogador do mundo e o melhor de todos os tempos. É normal ter algumas ofertas", acrescentou o empresário.

Os times da China têm mirado em jogadores de renome no futebol europeu para 2017. O meia Oscar, por exemplo, deixou o Chelsea para defender o Shanghai SIPG por um salário de 20 milhões de libras (R$ 84 milhões) anuais - já com impostos reduzidos. Os vencimentos são quatro vezes maiores do que aqueles que ele ganhava na Inglaterra.

Gazeta Esportiva