20/06/2013 15h15

Ciranda partidária em Cascavel deverá iniciar em breve

Compartilhe


A boataria de que alguns vereadores irão mudar de partido em Cascavel, aumenta a cada dia. Três dos atuais 21 vereadores podem migrar de sigla com a brecha da Lei que permite a mudança de partido, quando o partido é novo.

VEREADORES
Robertinho Magalhães (PMN - MD) - poderá deixar o partido recém criado pela fusão (MD) e migrar para o PSL ou PTN.

Jorge Menegatti (PSC) - deverá migrar para o (PCL) já que tem participado de reuniões com os líderes da criação deste novo partido em Brasília e encabeça a presidência deste novo partido no Paraná.

Rômulo Quintino (PSL) - Estão fortes os rumores de que Quintino deixará o PSL e engrossará as fileiras do novo partido REDE.



20/06/2013 14h46

Vereadores de Cascavel, não confirmam, mas não negam que serão candidat

Compartilhe


Quatro vereadores de Cascavel pretendem disputar uma cadeira de deputado. Com a aproximação do término do prazo - 7 de outubro -, de filiações partidárias e mudanças de partidos para aqueles que pretendem disputar as eleições estaduais e federais do próximo ano, eis que Cascavel poderá ter quatro vereadores inscritos para disputar uma cadeira de deputado.

MÁRCIO PACHECO (PPL)
O presidente da Câmara, Marcio Pacheco (PPL), disfarça, corre dos questionamentos, porém, deixa no ar a possibilidade de vir a disputar uma cadeira de deputado estadual no próximo pleito. As mudanças feitas na Câmara de Vereadores e com a aceitação da população com as medidas tomadas, leva Pacheco a esta possibilidade de vir a ser candidato a deputado.

GUGU BUENO (PR)
Vereador com a segunda maior votação do município, não esconde o desejo e a possibilidade de ser candidato a deputado, apesar de ter alguns percalços para serem resolvidos com a Executiva estadual do Partido, já que o presidente do PR no Paraná, é o deputado Fernando Giacobo.

PEDRO MARTENDAL (PSDB)
Este representa os "tucanos", se elegeu na coligação com o partido do prefeito Edgar Bueno (PDT). Sua candidatura pode representar a dobradinha que o deputado federal Alfredo Kaefer (PSDB), precisa para emplacar o terceiro mandato consecutivo.

JORGE MENEGATTI (PSC)
Este se elegeu vereador por incompetência dos demais candidatos do partido naquele pleito. Fez menos de 1.100 votos e está se achando a "última bolacha do pacote". Comentários de bastidores são de que apenas usou o PSC para se eleger. Uma vez que encabeça a formação de uma nova sigla partidária em Cascavel e no Paraná. Trata-se do (PLC).



20/06/2013 13h59

"Aki", bala de borracha na cara, no exterior, deputados do Brasil comen

Compartilhe


EM ISRAEL
Notícias divulgadas na mídia Nacional dão conta de que 30 líderes da Câmara dos Deputados, representantes partidários e da população brasileira, estão em Israel. O colegiado de lideres de bancadas partidárias acompanham o presidente da Câmara dos Deputados em missão oficial.

EM PARIS
Se não bastasse os 30 deputados federais em Missão Oficial em Israel, mais 40 deputados estão em PARIS, participando de um "intercâmbio" para obter informações militares. Como se o Brasil, participasse de alguma "guerra"!

OUTRO LADO
Enquanto os líderes partidários e políticos de "ponta" estão em viagem, seja na missão oficial, seja no "intercâmbio" de informações militares em Paris, o povo que trabalha para pagar os salários desses deputados, e que ora promovem manifestação em todo o País contra a corrupção, "TOMA BALA DE BORRACHA NA CARA".

DIÁRIAS POLPUDAS
Enquanto isso, manifestantes "brigam" para baixar o valor do transporte público, menos corrupção, nossos deputados estão no Exterior, comendo e bebendo do bom e do melhor, com diárias polpudas pagas pelo governo federal, ou seja, com nosso dinheiro!



19/06/2013 16h50

Projeto que regulamenta 265 cargos na prefeitura de Cascavel recebe crí

Compartilhe


O projeto encaminhado para a Câmara de Vereadores de Cascavel pelo Executivo, lido na sessão de terça-feira, recebeu severas críticas dos vereadores da oposição e, nesta quarta-feira, o assunto ganhou as ruas e a população repudia a aprovação dos 265 cargos que deverão ser regulamentados através de Lei.

MOMENTO CRÍTICO I
Nos cinco meses deste ano, a prefeitura de Cascavel trabalhou em sistema de redução de gastos com a folha de pagamento. Não foram nomeados e tão pouco designados servidores de carreira para exercer funções de confiança. Houve redução também nas horas extras. Cortes drásticos foram feitos. UBS trabalhando apenas seis horas/dias. Tudo para baixar o índice prudencial.

MOMENTO CRÍTICO II
Tudo passaria despercebido se o momento de desgastes político administrativo da Prefeitura não tivesse em evidência. Os cortes das gratificações e horas extras nestes primeiros meses de 2013 fizeram com que os próprios servidores de carreira, repudiassem as medidas que deverão ser aprovadas na Câmara no projeto de Lei de regulamentação dos salários dos servidores de cargo de confiança (concursados) e nomeados.

MOMENTO CRÍTICO III
A oneração na folha de pagamento da prefeitura com os salários dos cargos de nomeações, chega no momento crítico, pois o pais passa por protestos contra o "PODER", seja por corrupção, por prejuízos a população ou falta de projetos de cunho popular. Em Cascavel, o projeto de criação e nomeação de 265 cargos de nomeações, chegas as vésperas em que a população vais protestar (quinta-feira) acompanhando assim o que vem acontecendo no Brasil..

LUZ AMARELA
Data e hora marcada para acontecer os protestos em Cascavel, fato que acontecerá amanhã (20), luz amarela ascendeu na Prefeitura e na Câmara. Os mandatários estão preocupados com o que poderá acontecer. Mesmo que na divulgação pelas redes sociais tem sido de que seja pacífica a passeata e a concentração no Centro Cívico, a preocupação existe!

QUEBRA-QUEBRA
"Não acreditamos em quebra-quebra, mas é preciso cautela, já que em meio a multidões, sempre tem aqueles que gostam de tumultuar", disseram alguns dos mandatários do município.



17/06/2013 17h21

Confira os novos salários e quantidade de cargos em comissão da Prefeit

Compartilhe


Chegou nesta tarde (17) a Câmara de Vereadores de Cascavel o anteprojeto de Lei nº 129/2013 do Executivo Municipal, que dispõe sobre alterações no regime jurídico único dos servidores públicos municipais da administração direta e indireta de Cascavel. O anteprojeto protocolado no Legislativo solicita caráter de urgência para que seja colocado para apreciação dos vereadores, para ser lido na sessão de amanhã (18). Se o trâmite da solicitação do Executivo for atendida provavelmente o projeto será votado na segunda e terça-feira da próxima semana.

Veja na íntegra a quantidade de cargos de cada secretaria e autarquias que o projeto prevê. Também acompanhe os valores que cada servidor de livre nomeação irá receber a partir da aprovação deste projeto.



14/06/2013 16h54

Presidente da Câmara Indefere pedidos de verbas para curso

Compartilhe


O presidente da Câmara de Vereadores de Cascavel, Marcio Pacheco, indeferiu o pedido de verbas de alguns vereadores para que seus assessores pudessem participar de um curso de Técnica Legislativa em Curitiba na próxima semana.

OITO PEDIDOS
A imprensa divulgou o fato, e alguns dos vereadores não enviaram pedido ao presidente, solicitando verbas para seus assessores. Apenas oito pedidos foram protocolados, e indeferido pelo presidente. Explicações: para os oito assessores, a Câmara teria uma despesa entre taxa de inscrição, viagem, hospedagem e refeições de aproximadamente R$ 13 mil com os oito assessores. Valor considerado altíssimo para investimento neste momento.

PARCERIA
Segundo informações do presidente, provavelmente até o final deste mês, uma parceria com a Unioeste será firmada para que um curso do mesmo molde, seja ministrado na Câmara para todos os assessores, vereadores e servidores concursados. O presidente declarou que: "será investido bem menos verbas para qualificar nossos assessores, servidores de concurso e vereadores, do que iríamos gastar com apenas oito assessores em Curitiba", finalizou.

DEFERIU APENAS PARA O VEREADOR
O presidente deferiu apenas a solicitação de diárias para o vereador Ganso Sem Limite (PSD), que foi o único a solicitar verbas e ter se interessado pelo curso.



14/06/2013 16h31

Ex-Desembargador Federal, Edgard Lippmann em Cascavel

Compartilhe


Ex-desembargador federal do TRF4, Edgard Lippmann Júnior, Consultor do Fórum Nacional do Transporte, presente na audiência da CPI dos Pedágios Em Cascavel. Vale Lembrar que Lippmann é Cidadão Honorário de Cascavel, Comenda entregue a ele no ano de 2007.



13/06/2013 17h02

Bombom com larvas comprado em uma lanchonete no Parque São Paulo

Compartilhe


O internauta Carlos Alberto Fiori Jr, que foi presenteado ontem com teias de aranha em um bombom comprado em um posto de combustíveis, encaminhou para essa coluna o vídeo feito há alguns anos, em que comprou um bombom na época em uma lanchonete no bairro Parque São Paulo, e pasmem, ao abrir as larvas "saíam" sossegadas de dentro do doce.

Confira as imagens.



13/06/2013 15h42

Bombom comprado em posto de combustível com teias de aranha

Compartilhe


Não são raras as vezes que consumidores encontram "incrementos" em alimentos, principalmente bombons e barras de chocolate.

SURPRESA
O internauta do Catve.tv Carlos Alberto Fiori Jr., comprou um bombom ontem (12) em um posto de combustíveis localizado na Avenida Carlos Gomes, em Cascavel e ao chegar em casa encontrou uma surpresa "non grata". O chocolate estava coberto por teias de aranha.

REDE SOCIAL
Ele tirou uma foto, postou nas redes sociais e demonstrou sua indignação com o produto.

SURPRESA II
Logo mais vamos publicar o vídeo que o mesmo internauta fez há algum tempo, em que comprou um bombom em uma lanchonete com larvas dentro.



13/06/2013 14h40

"Dedo duro" da Câmara de Cascavel, apronta mais uma para seus colegas

Compartilhe


É fato que o servidor da Câmara de Cascavel com o nome de Walmir, servidor concursado da guarda Patrimonial (vigia), parece que está disposto mesmo a encarar seus colegas da Câmara. Há dias ele vem denunciando através de ofícios, bem elaborados diga-se de passagem, servidores que exercem cargos de confiança no Legislativo.

DELEGACIA
As denúncias feitas pelo senhor Walmir ao presidente da Câmara, Márcio Pacheco e para alguns vereadores, rendeu a ele um Boletim de Ocorrência (BO) na 15ª SDP e abertura de sindicância na Câmara. Na semana passada ele foi ouvido na Delegacia e pelos membros da Câmara de Vereadores, a oitiva da sindicância, durou cerca de 4 horas.

AJUDA INTERNA
O que ele relatou no inquérito na Polícia, não se tem conhecimento, na sindicância ainda não foi fechado o relatório, mas uma coisa é tido como certo. Existe alguém que está redigindo os textos e formatando as denúncias, pois, o relatado nas denúncias, são simplesmente boatos e comentários e o que ele ouviu falar, mas o servidor utiliza de papel timbrado do Legislativo para elaborar os ofícios e um texto sem colocar ou tirar uma palavra, o que é muito para um guarda patrimonial.

PERGUNTA?
Presidente Márcio Pacheco e diretor da Câmara? Neste momento de corte de gastos que o Legislativo passa, até canetas os vereadores estão comprando do próprio bolso, como é que "um guarda patrimonial" tem materiais gráficos disponível para uso particular? Onde está sendo impresso os ofícios com papel timbrado da Câmara? Vigia tem o direito de ter "impressora, computador e materiais gráficos" no exercício de suas funções? Reservo o direito ao presidente e ao diretor para responder esses questionamentos.

FIM DE SEMANA
No sábado, a Ascamvel - Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Cascavel, havia reservado o plenário da Câmara para Assembleia de prestação de contas da entidade. Tudo formulado conforme o estatuto, inclusive solicitado com oficio e protocolado na secretaria da Câmara o pedido de uso do plenário para realizar a Assembleia. Inicio marcado para as 9:00 horas.

GUARDA IMPEDE
Mais nem tudo parece ser como representa: Ao chegar na Câmara os servidores e a diretoria da Ascamvel para realizar a Assembléia, eis que o guarda patrimonial (aquele mesmo das denúncias) impediu que estes utilizassem o eespaço previamente reservado e autorizado pelo diretor Geral da Câmara. Neste momento a confusão foi armada, porém, irredutível o guarda Walmir não obedeceu ordens da Presidência da Câmara e não deixou que a Assembleia fosse realizada.

ESTACIONAMENTO
Para finalizar todo o imbróglio, diretores da Ascamvel e servidores presentes, fizeram a Assembleia no estacionamento da Câmara. Documentos em "capô de carro" foram colocados para realizar a Assembleia.

SÁTIRA E MAIS OFÍCIO
Na segunda-feira, não contente com tudo o que "aprontou", o vigia patrimonial, Senhor Walmir, elaborou outro ofício com papel timbrado da Câmara, e, encaminhou ao presidente da Câmara, Márcio Pacheco, relatando os fatos. Tudo certo se no bojo do ofício com papel timbrado da Câmara, este não tivesse satirizado os diretores da Ascamvel. Neste contexto todo, vemos com tristeza que além de utilizar de materiais gráficos da Câmara, computador e impressora, este cidadão ainda quer se passar por um "cuidadoso" do erário.

PROCESSO
Com mais esta atitude, diretores da Ascamvel e servidores, deverão colocar mais um processo de crime contra o servidor Walmir. O caso deverá ser resolvido na Justiça. Ele tendo de provar o que denunciou, demonstrar o porque de esbanjar materiais gráficos da Câmara com assuntos particulares, e quem está por detrás disso tudo. Ajudando o na redação dos ofícios, e imprimindo estes documentos. Presidente Marcio Pacheco, isto é normal?



Luiz Nardelli
Casado com Margaret S. Nardelli, pai de Tarlliza Romanna Nardelli e Leonardo Romanno Nardelli, nasci em Paraíso do Norte (PR) e há de 39 anos moro em Cascavel (PR).

Este sou eu: Luiz Nardelli, 52 anos, técnico em estatística atuando como profissional da imprensa desde 2004. Graduado em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e pós-graduado em assessoria de imprensa. Iniciei a profissão como colunista político no jornal A Tribuna de Cascavel.

Desde então são 13 anos carimbando opiniões em impressos como: Extra Paraná, jornal Gazeta do Paraná, Jornal O Estado do Paraná-Curitiba, A Tribuna de Cascavel e no semanário Manchete Popular.

Atualmente com uma coluna no Portal, catve.com/luiz-nardelli . Em programas de TV, integrei o programa Sala de Debates com o legendário (in-memórian) Joel Damásio e o polêmico Laerson Matias no Canal 21/Catve. No Grupo Catve estou há mais de 11 anos como apresentador do programa Sala de Debates e posteriormente com o Bate Rebate e EPC.

Atualmente divido a bancada do programa EPC (Esporte, Política e Cidadania) na Catve/FM 91.7 e Catve/TV, transmitido das 18 às 19 horas diariamente. No EPC tenho a parceria de Jorge Guirado, diretor do Grupo de Comunicação Catve e Geraldo Magela.

Jornalista, repórter, apresentador, locutor, comunicador. Do que depender deste profissional, informações, opinião e notícias não faltarão aos leitores, ouvintes, telespectadores e nas Redes Sociais. Espero você aqui!

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113




COPYRIGHT CATVE.TV | 2011 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MOBILE READY