30/09/2013 11h14

Moção de repúdio à FUNAI é votada e aprovada na Câmara de Vereadores de

Compartilhe


Com 18 assinaturas dos vereadores de Cascavel, foi levado a plenário hoje (30,) à votação de Moção de repúdio a Fundação Nacional do Índio (FUNAI).

MOÇÃO
A Moção foi bastante debatida entre os vereadores. Os que assinaram a Moção entendem que a FUNAI abandonou os indígenas e passaram a Responsabilidade ao Município de Cascavel, mesmo que os "índios" que acampam na Rodoviária, nos canteiros de Cascavel, são originários do Município de Nova Laranjeiras. Segundo os discursos dos vereadores, a FUNAI está transferindo o ?abacaxi? para Cascavel, quando no momento se discute "Casa de Passagem dos Índios" no Município.

DEFESA
O vereador Paulo Porto (PCdoB), indigenista por convicção, defende a Casa de Passagem e enalteceu a FUNAI, já os vereadores que assinaram a Moção de Repúdio à FUNAI, querem que a Instituição FUNAI resolva o problema dos Índios, e não passe o problema para o Município.

APROVADA A MOÇÃO DE REPÚDIO
Foi aprovada com 18 votos favoráveis e dois contrários a Moção de Repúdio a FUNAI pelos vereadores de Cascavel. Entendem os vereadores, que a Instituição (FUNAI) quer lavar as mãos quanto aos Índios que fazem da área Urbana de Cascavel, sua sede.



30/09/2013 10h45

Câmara de Cascavel mantém Veto do Executivo em projeto de vídeos Educat

Compartilhe


Veto do Executivo ao projeto que torna obrigatória a exibição de vídeos educativos antidrogas nas aberturas de Shows, sessões de cinema, Eventos Culturais, feiras Agropecuárias e similares com aglomeração de pessoas no Município de Cascavel, gera debate acalorado na sessão da Câmara de Cascavel nesta manhã de segunda-feira (30).

PARA QUE VEREADORES?
O projeto de autoria do Vereador Rui Capelão (PPS), vetado pelo Executivo, foi defendido na Tribuna do Plenário por ele e pelo vereador Marcio Pacheco (PPL). Para Pacheco que também é o presidente da Casa de Leis, ao defender o projeto vetado, enfatizou que: "o Executivo vetar um projeto desta natureza, não entendo para que serve vereadores na Câmara. É melhor não existir vereadores então!", argumentou Pacheco.

BASE DEFENDE
No momento, vereadores da Base defendem o veto. Os vereadores Luiz Frare, Gugu Bueno e Fernando Winter defenderam o Veto e declarou que um projeto do mesmo assunto, já existe em Cascavel desde 2003. Se não está em vigência, então é momento de verificar os motivos, uma vez que o projeto que não está em vigor, é mais completo do que este apresentado por Capelão.

APROVADO O VETO 13 X 7
Acaba neste momento a votação do Veto do Projeto do vereador Capelão. Por 13 votos a favoráveis e SETE contrários ao Veto, o projeto foi rejeitado.



30/09/2013 10h12

Expectativa de revogação do efeito da "liminar" suspendendo Lei é gran

Compartilhe


É esperada para hoje, uma decisão sobre o recurso da Prefeitura de Cascavel, impetrado junto ao presidente do Tribunal de Justiça do Paraná com pedido de cassação da Liminar que suspendeu a Lei que autoriza a adequação de cargos de nomeações, gratificações e de reajuste dos demais servidores municipais de Cascavel.

SINDICATO
O sindicato dos servidores Municipais quer que o Executivo encaminhe outro projeto de Lei ao Legislativo com a mesma redação, porém de forma separada. Um projeto para adequação dos cargos comissionados. Um projeto para os cargos gratificados e adicionais de função e outro projeto para o aumento salarial de 6% aos demais servidores.

DISCUSSÃO
No momento as discussões em rodas de conversas entre os vereadores e servidores municipais, são de que o Executivo deverá enviar a Câmara os projetos durante a semana. Mesmo que seja derrubada a "liminar" junto ao TJ/PR, é salutar a aprovação de outros projetos, uma vez que a derrubada da liminar, ou não, poderá deixar os servidores sem uma garantia de ter o salário efetivado com os valores corretos.



26/09/2013 13h52

CPI da Saúde elabora normas e se "calam" sobre as investigações

Compartilhe


Os membros da CPI da Saúde da Câmara de Vereadores de Cascavel, Vereadores, João Paulo (PSD), Gugu Bueno (PR) e Jaime Vasatta (PTN) elaboraram normas interna da Comissão para não mais informar a mídia sobre as ações de investigações que estão realizando.

NORMAS
Segundo informações dos membros da CPI, as normas elaboradas pela Comissão que investiga as UBSs e UPAs de Cascavel, de não divulgar as investigações (resultados) é para que possa ser feita algumas diligências sem que os gestores, servidores e até mesmo, empresários com vinculo e que ora estão sendo investigados, destrua provas ou intervenha para que os resultados das investigações sejam alterados no decorrer dos trabalhos.

OITIVAS
As oitivas envolvendo os gestores, servidores e empresas ligadas a Saúde que ora são motes de investigação, está mantida para iniciar na próxima semana.



26/09/2013 13h52

Sessão da Câmara de Braganey, promete ser acalorada hoje

Compartilhe


Esta marcado para hoje (26) as 19 horas a sessão da Câmara de Braganey para discutir o IPTU do Município. Como há poucos dias, o projeto do IPTU de Braganey, causou debates e "pancadaria", quando dois vereadores trocaram ofensas em plenário durante a discussão do projeto, inclusive necessitando da intervenção da polícia devido as agressões, a expectativa para hoje, é de plenário lotado e de policiais presentes a sessão.

O PREFEITO
Informações dão conta que o prefeito de Braganey, Josinei Vicente, estará presente para explicar tudo sobre o IPTU. A expectativa é de que os ânimos poderão se exaltar entre Oposição e Situação.



26/09/2013 13h51

Prefeitura de Cascavel dá última tacada junto ao Tribunal de Justiça pa

Compartilhe


Depois de duas tentativas "frustradas" junto ao Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, a Prefeitura de Cascavel, tenta uma última ?tacada? para derrubar liminar em que suspendeu a Lei de adequação dos cargos comissionados, gratificados e do aumento salarial dos servidores Municipais.

PROTOCOLO
O secretário Jurídico da Prefeitura, Welton Fogaça, protocolou ontem (25)no TJ-PR em Curitiba, mais um recurso - suspensão de liminar ? ao presidente do Tribunal.

PREOCUPAÇÃO
Segundo informações, esta é a última "tacada" para derrubar a liminar e assim, a Lei voltar a vigorar no município. Tudo porque, a suspenção da Lei aprovada durante o mês de Julho, adequando os salários dos comissionados, gratificados e dos servidores, não está em vigor. Deste modo, tanto os nomeados como os de funções gratificadas e os demais servidores, passaram a receber o salário de concurso e o de nomeação, equivalente ao do servidor concursado da mesma função, ou seja, o salário é o de piso, sem qualquer outra gratificação, uma vez que a Lei suspensa fixava a adequação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários.

SINDICATO
Membros do Sindicato dos Servidores, estiveram hoje (26) pela manhã na Prefeitura de Cascavel para uma reunião com o prefeito Edgar Bueno. O presidente Ricieri D Estefani Junior, declarou que a intenção é receber do prefeito Edgar Bueno, a garantia de que se este "último" recurso ao TJ, não derrubar a liminar, que seja elaborada outra Lei e enviada a Câmara para que, os servidores possam receber o salário justo do exercício de cada função designado.

QUALQUER MOMENTO
Informações obtidas a pouco, dão conta que a qualquer momento, o Presidente do Tribunal poderá dar uma resposta aos servidores do Município de Cascavel. Mesmo que esta resposta seja negativa a expectativa da Prefeitura em derrubar a liminar.



24/09/2013 16h55

Manobra derruba emendas de vereadores da base do plano plurianual

Compartilhe


BLOCO 2
Depois de aprovado a votação do "time" da base com pedido de destaque no bloco 1, ficou sendo 31 emendas e sub-emendas desse bloco, as demais 120 emendas protocoladas no PPA foram rejeitadas na votação do intitulado bloco de destaque número 2. Nesse bloco algumas emendas dos vereadores da base também foram rejeitadas, inclusive os autores das emendas tendo votado contrários a sua própria preposição. Resultado da votação do bloco 2, ou seja, dos vereadores da oposição que deu por 15 votos contrários e 3 favoráveis as emendas no plano plurianual (2014 a 2017).



24/09/2013 15h21

Começa sessão da Câmara de Cascavel, emendas do PPA sendo debatidas

Compartilhe


Como já era esperado, a votação do PPA (Plano Plurianual) do Município de Cascavel, começa um tanto conturbada. Emendas e sub-emendas estão sendo votadas, porém, mesmo com indicativos de irregurales foi levada a plenário.

BASE
Jogada do "time" da base de governo no Legislativo, foi em solicitar que fosse votada em bloco, todas as emendas dos vereadores da Base. O que não agradou a "tchurma" da oposição. Isto porque, aprovada as emendas dos vereadores da Base, as emendas da oposição, podem ser rejeitadas.

CORRENDO RISCO
Mesmo correndo o risco de não serem aprovadas as emendas do time da oposição, já que vai ser votado após a votação das emendas da Base, iniciou a votação das emendas em bloco.

EMENDAS DO BLOCO
Acabou de ser aprovadas as emendas do Bloco da Base de governo. Agora em votação as sub-emendas. (kkkk). O que acaba de serem aprovadas.

APROVADAS
As emendas e sub-emendas dos vereadores da Base, foram aprovadas com 17 votos favoráveis e UM contrário.



23/09/2013 15h50

"Gazela saltitante no cio": definição do vereador Paulo Bebber à um apr

Compartilhe


O vereador de Cascavel, Paulo Bebber (PR) usou a Tribuna da Câmara hoje após a sessão para relatar sobre o processo que vinha respondendo desde a legislatura passada, quando foi afastado de suas funções pela Promotoria Pública naquela Legislatura, por ter "arquivado" pedido de criação da CPI da Propina contra membros do Executivo Municipal.

O PROCESSO
O processo que tramitava na Justiça por prevaricação, quando na ocasião, Bebber assumiu a presidência da Câmara, sendo ele 1º vice-presidente, já que o presidente titular, Marcos Damaceno, julgou-se impedido de acatar o pedido de criação da CPI, por ter grau de parentesco com o prefeito da época. Paulo Bebber assumiu a presidência e "arquivou" o pedido. A Justiça pediu o afastamento dos dois vereadores e determinou a criação da CPI da Propina, o que só foi fechada no apagar das luzes da legislatura passada.

CRÍTICAS
Enquanto o processo tramitava no Poder Judiciário, Paulo Bebber, mesmo nesta legislatura, vinha sofrendo críticas de alguns profissionais da mídia e de alguns veículos de comunicação sobre o feito da legislatura passada. Mesmo que na sentença prolatada - (é o parecer do Juiz, baseado na lei e no seu auto-convencimento, sobre determinado assunto, dando ganho ou perda total ou parcial do que foi pedido. Ou seja, é a decisão final daquele juízo) - na ocasião, a Justiça ter sentenciado seu afastamento mais sem ônus no subsídio de vereador enquanto estivesse afastado das funções.

DISPOSITIVO
No dia 19 de setembro de 2013, o Juiz de Direito, Rosaldo Elias Pacagnan julgou improcedente a denúncia e absolveu os "réus" Marcos Damaceno e Paulo Bebber baseado no art 386, III, do código de Processo Penal.

DESABAFO
Hoje (23), Paulo Bebber, munido da sentença, usou a Tribuna da Câmara e fez um desabafo sobre as críticas que sofreu de alguns órgãos de imprensa e de alguns profissionais da comunicação. Elogiou aqueles que trataram o fato como material jornalístico, porém, foi na "guela" daqueles que o condenaram ou criticaram, antes mesmo do processo ter sido julgado.

"GAZELA SALTITANTE NO CIO"
Com esta frase, o vereador Paulo Bebber encerrou seu pronunciamento na Tribuna da Câmara. "Tem um apresentador da TV Tarobá, que mais parece uma Gazela saltitante no cio". Falando sobre as críticas sofridas sobre o assunto do afastamento. Também isentou a jornalista do Jornal Hoje, Laís Laíny, e depositou tais críticas sofridas, ao proprietário do Jornal, deputado Alfredo Kaefer.



23/09/2013 14h06

Sessão "relâmpago" hoje na Câmara de Vereadores de Cascavel

Compartilhe


A sessão ordinária hoje (23) na Câmara de Vereadores foi mais curta do que "coice de porco". Três projetos estavam na pauta de discussão: O primeiro sobre o Plano Plurianual (PPA), de autoria do Executivo Municipal. O segundo também de autoria do Executivo, solicita autorização para contratar operação de crédito junto a agência de fomento do Paraná S.A. e o terceiro, Moção que tinha como mote, expressar repúdio à Fundação Nacional do Índio (FUNAI) de autoria da maioria dos vereadores, e que foi retirado de pauta.

"Mijada"
A retirada pode ter sido em função da "mijada" que os vereadores levaram do promotor de Justiça na sexta-feira, quando aconteceu a audiência Pública na Câmara em que a discussão foi sobre os Indígenas. Do resto, nada de novo, somente o desabafo do vereador Paulo Bebber (PR) na tribuna da Câmara, sobre a denúncia de seu afastamento na Legislatura passada e que foi julgada improcedente em 19 de setembro de 2013 pelo Juiz, Rosaldo Elias Pacagnan.



Luiz Nardelli
Casado com Margaret S. Nardelli, pai de Tarlliza Romanna Nardelli e Leonardo Romanno Nardelli, nasci em Paraíso do Norte (PR) e há de 39 anos moro em Cascavel (PR).

Este sou eu: Luiz Nardelli, 52 anos, técnico em estatística atuando como profissional da imprensa desde 2004. Graduado em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e pós-graduado em assessoria de imprensa. Iniciei a profissão como colunista político no jornal A Tribuna de Cascavel.

Desde então são 13 anos carimbando opiniões em impressos como: Extra Paraná, jornal Gazeta do Paraná, Jornal O Estado do Paraná-Curitiba, A Tribuna de Cascavel e no semanário Manchete Popular.

Atualmente com uma coluna no Portal, catve.com/luiz-nardelli . Em programas de TV, integrei o programa Sala de Debates com o legendário (in-memórian) Joel Damásio e o polêmico Laerson Matias no Canal 21/Catve. No Grupo Catve estou há mais de 11 anos como apresentador do programa Sala de Debates e posteriormente com o Bate Rebate e EPC.

Atualmente divido a bancada do programa EPC (Esporte, Política e Cidadania) na Catve/FM 91.7 e Catve/TV, transmitido das 18 às 19 horas diariamente. No EPC tenho a parceria de Jorge Guirado, diretor do Grupo de Comunicação Catve e Geraldo Magela.

Jornalista, repórter, apresentador, locutor, comunicador. Do que depender deste profissional, informações, opinião e notícias não faltarão aos leitores, ouvintes, telespectadores e nas Redes Sociais. Espero você aqui!

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113




COPYRIGHT CATVE.TV | 2011 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MOBILE READY