10/10/2013 14h43

Comissão de Justiça e Redação da Câmara de Cascavel está reunida neste

Compartilhe


A CJRV (Comissão de Justiça Redação e Veto) está reunida neste momento para dar pareceres em quatro Anteprojetos do Executivo Municipal. Todos dispõem sobre: Adequação de cargos Comissionados, de servidores gratificados conforme designação de função e o projeto do aumento salarial da data Base dos demais servidores. Somado com o projeto da ACESC que dispõe sobre adequação e aumento salarial aos servidores da autarquia.

Projeto 193/2013
O projeto que dispõe sobre o Plano de Cargos, Carreira e vencimentos da ACESC, recebeu parecer favorável da CJRV. Neste sentido o projeto deverá ser levado a plenário nas próxima semana para ser votado.

Projeto 200/2013
Mesmo tendo recebido parecer contrário da procuradoria Jurídica da Câmara, por faltar a declaração do impacto Financeiro, a Comissão de Justiça, deu parecer favorável ao projeto. Indo contra o parecer da procuradoria.

Projeto 201/2013
O projeto que se refere ao Plano de Cargos Carreira e Salário para os servidores concursados mais designados para exercer função de gratificação, mesmo recebendo parecer contrário da Procuradoria Jurídica. A Comissão deu parecer favorável.

Projeto 202/2013
O projeto que dispõe sobre o aumento salarial "data Base" dos servidores, recebeu parecer favorável da CJRV.

OFÍCIO
A prefeitura encaminhou ofício aos membros da CJRV que foi lido na sessão extraordinária, explicando os motivos pela qual, não disponibilizou o relatório do impacto, mas explicou que os projetos em apreciação - 193 - 200 - 201 - 202/2013, com base no artigo 16, inciso I da Lei complementar 101/2000 do Município, não acarretam acréscimo de despesa. Sendo que todos os custos, inclusive dos adicionais e gratificações mencionados nos referidos projetos, constavam nas Leis Orçamentárias aprovadas em 2012.



09/10/2013 17h26

PPS de Cascavel vai formar executiva amanhã com a presença do deputado

Compartilhe


Amanhã o presidente estadual do PPS e deputado federal, Rubens Bueno estará em Cascavel para formar a nova Executiva do partido no município. Com a filiação do empresário Marcos Solano no partido, a expectativa é de que ele assumiria o PPS em Cascavel, tirando assim, Chico Menin do "trono". Mas parece que não é bem assim.

NOVO PRESIDENTE

Segundo informações de dentro do PPS local e também do Estado, o novo presidente da Executiva do PPS em Cascavel, será Roberto Aoki. Engenheiro Civil e ex-secretário Municipal em duas gestões diferentes. Na de Tolentino e na primeira de Edgar Bueno.

ENSACANDO A VIOLA

Como eu diria se fosse um poeta cantador: Chegou a hora de ensacar a viola e voltar pra casa, Chico Menin! Santa Teresa te espera! É Melhor ser cabeça de lambari do que rabo de tubarão!



09/10/2013 17h24

CPI da Saúde de Cascavel ouve diretor da 10ª Regional de Saúde

Compartilhe


Hoje pela manhã, os membros da CPI da Saúde da Câmara de Vereadores de Cascavel, vereadores Gugu Bueno (PR), Jaime Vasatta (PTN) e João Paulo (PSD), ouviram o diretor da 10ª Regional de Saúde, Miroslau Bailak, que representa 25 municípios da Região Oeste.

QUESTIONAMENTOS

Os vereadores questionaram de todas as formas o Diretor, desde ações da 10ª Regional, até a falta de leitos. Porém, Miroslau respondeu todos os questionamentos. Fez comparações de Cascavel com outros municípios do Estado, como Curitiba e Foz do Iguaçu, mas não conseguiu responder os motivos que pacientes ficam internados nas UPAs por mais de 72 horas, quando que um TAC assinado junto a promotoria da Saúde da Comarca, prevê no máximo 5 dias.

NÃO FALTA

Segundo o Diretor da 10ª Regional, Cascavel não possui falta de leitos no SUS. Para ele, as vagas que estão disponibilizadas para o Sistema, estão suportando a demanda. Mas "engasgou" quando o assunto virou. Os vereadores perguntaram o porquê então, se não faltam vagas para internamentos, porque pacientes morrem nas UPAs? Hoje pela manha antes da oitiva os vereadores foram as UPAs e com documentos em mãos, mostraram que possui 13 pacientes internados nas UPAs, aguardando serem transferidos. Um deles inclusive respirando com ajuda de aparelhos.



08/10/2013 15h48

Cascavel: manobra do presidente da Câmara deixa "boquiabertos" membros

Compartilhe


Na sessão da Câmara de Vereadores que ocorre neste momento em Cascavel, três projetos de suma importância entraram na pauta de votação. O projeto de número 200 que trata da adequação de cargos de nomeações da prefeitura. O projeto 201 que trata do plano de cargos, carreiras e salários, gratificações aos servidores de carreira que exerce função designada. E o projeto 202 que trata do aumento salarial da data base.

MANOBRA
O presidente da Câmara Marcio Pacheco, ao ter aprovado o pedido do Executivo Municipal de votação de urgência nestes três projetos propôs de acordo com o artigo 46 do Regimento Interno, que estes projetos fossem votado em dias e sessões separadas, o que deixou a base do governo perdida dentro do plenário da Câmara.

MANOBRA 2
O presidente ao propor que estes projetos fossem votados em separado em seis sessões ordinárias ou extraordinárias declarou entender que o projeto do plano de cargos, carreiras e salários, que da gratificação aos servidores designados para diversas funções que seja o primeiro a receber parecer das comissões e colocado em votação em plenário por primeiro. O segundo seria o aumento dos servidores da data base, do projeto 202, e o terceiro em duas sessões ordinárias que trata de adequação dos cargos de nomeações ficaria por último a ser votado.

DISCURSOS
Com a manobra da presidência da Câmara em colocar os vereadores da base em situações difíceis porque ao mesmo tempo que tem que votar o projeto 200 e o 201, teria dificuldade junto a população para aprovar os 265 cargos do projeto de número 200 uma vez que passariam a demonstrar que são "pau mandado do Executivo". O vereador líder da base usou a palavra, mas não conseguiu "retirar" do presidente tais intenções.

COMISSÕES
Os projetos deverão ser encaminhados a Comissão de Finanças e Orçamento e da Comissão de Justiça e Redação para análise e pareceres, também em regime de urgência. Resta agora saber como a base vai se comportar mediante esta manobra política administrativa executada pelo presidente da Câmara.



07/10/2013 14h36

CACHORRADA: Lei de "chipagem" em cachorros é vetada pelo prefeito de Ca

Compartilhe


A Lei nº 108/2013 que dispõe sobre a criação e o comércio de animais de estimação no Município de Cascavel, entrou em pauta de votação hoje (07) na Câmara Municipal. A Lei prevê a colocação de "chip" em animais de rua e também aos que tem local certo de moradia.

O VETO
O prefeito Edgar Bueno (PDT), vetou a Lei e os vereadores mantiveram o veto por 19 votos favoráveis e um contrário. Até mesmo quatro vereadores proponentes do projeto, acompanharam o veto do prefeito. Apenas, Paulo Porto o quinto proponente, votou contra o veto.

"Clandestinos"
Criadores de animais de estimação, na sua maioria, canis que abriga criação de cachorros, muitos deles com instalações inadequadas para o funcionamento, já que não possui veterinário no local, tão pouco o Plano Diretor é respeitado, formaram uma associação para continuar trabalhando de forma "clandestina" ou irregular, como queiram denominar. Latidos, cheiro insuportável, fazem parte deste contexto. Enquanto isso, a Vigilância Sanitária tapa os olhos na fiscalização e o comércio continua ao bel prazer.

COMÉRCIO
Empresários do ramo de agropecuária, agro-pet têm a obrigação de possuir no estabelecimento um médico veterinário. Enquanto isso, criadores de cães pelos canis da cidade, tentam burlar a fiscalização, montando uma associação de criadores. Certificados dos animais, e cuidados veterinários, parecem ser esquecidos nestes projetos.

CÃES DE RUA
Ongs que coletam cães na rua, querem que o poder Público de uma solução para o problema. "Existem alguns voluntários que possuem cerca de 30 animais em seus quintais, o cheiro forte, latidos e o perigo de transmissão de doenças são grandes", comentou um cidadão com este colunista. O mesmo cidadão foi além: "Como o poder público não possui um projeto para este caso, a Vigilância Sanitária fica de mãos atadas em fiscalizar", argumentou o cidadão. Se percebe que o caso de "chipar" cachorro em Cascavel, é bem mais complexo do que se imagina.



07/10/2013 13h58

Projeto para criar Conselhos Tutelares em Cascavel é aprovado em 1ª dis

Compartilhe


Os dois Conselhos Tutelares de Cascavel, por pouco não são extintos no Município. Apesar de ainda ter mais uma votação amanhã (08) para aprovar o projeto em 2ª votação. A Lei que vigorava em Cascavel sobre o funcionamento dos Conselhos Tutelares foi revogada no mês passado. O prazo para o prefeito sancionar a revogação da Lei, termina esta semana. O primeiro anteprojeto enviado a Câmara foi rejeitado pelas Comissões, daí a necessidade do envio de outro anteprojeto e que foi aprovado hoje (07) por unanimidade de votos.

DUAS EMENDAS
Mesmo o projeto ter sido aprovado, amanhã deverá receber duas emendas. Uma que trata dos salários dos Conselheiros Tutelares. Querem os servidores que o salário acompanhe o aumento do Salário Base Nacional, e não o Municipal. A segunda emenda trata de liberação para os servidores que tiver de acompanhar pessoas doentes da família. Já que o projeto não prevê este artigo e caso o servidor necessite de acompanhar alguém da família para consultas ou internamentos, terá descontado as faltas do salário. O atestado não serve para abonar a falta.



04/10/2013 17h45

"Agora": Prefeito Edgar Bueno protocola na Câmara 3 anteprojetos refere

Compartilhe


Neste momento o prefeito de Cascavel, Edgar Bueno, protocola na Câmara de Vereadores de Cascavel três anteprojetos que determina a adequação de cargos de nomeação na Prefeitura, gratificação aos servidores concursados e o aumento salarial da data base dos demais servidores. Ele está reunido com os vereadores da base na sala do vereadores Gugu Bueno.

PRÓXIMA SEMANA
Com a ação do Executivo Municipal em protocolar os três anteprojetos de forma em separado significa que: o projeto anterior que virou lei e suspensa através de liminar continuará suspensa. Para a próxima semana a Câmara de Vereadores deverá votar em regime urgentíssimo após pareceres das comissões referentes ao assunto este projeto que servirá para amenizar a preocupação e o sufoco financeiro que muitos servidores públicos atravessam no momento.



04/10/2013 14h35

PSDB de Cascavel articula para ter Kaefer presidente estadual da sigla

Compartilhe


"Paz e amor"
Nem tudo que brilha é ouro, até porque alguns membros do PSDB de Cascavel brilham no cenário político, porém não são tão brilhantes quando o assunto é comandar o partido no Estado e no Município. O deputado federal Alfredo Kaefer sempre demonstrou interesse em presidir o PSDB estadual, mas ainda não conseguiu o feito. Articulações neste sentido estão acontecendo no momento, mas para isso, Kaefer terá de demonstrar que está tudo em "paz e amor" com os demais membros do partido em Cascavel, no caso, o vice-prefeito de Cascavel, Maurício Theodoro.

PSDB de Cascavel
Há expectativa de o PSDB estadual e municipal ter eleição para escolha dos novos integrantes dos diretórios municipais e Estadual. Em Cascavel o nome "quase" certo para presidir a sigla é do médico e diretor da 10ª Regional de Saúde do Estado, Miroslau Bailak.

"Fogo brando"
Quanto à presidência do diretório estadual, tudo ainda está em "fogo brando". O deputado Kaefer dá demonstração de que a bandeira da Paz vai reinar. Basta acompanharmos as críticas que vinham sendo realizadas pelos periódicos em que Alfredo possui engajamento político em Cascavel. As críticas que a administração municipal vinha sofrendo dos periódicos agora parecem estar mais brandas. Também diminuíram as críticas ao vice-prefeito Mauricio Theodoro. A coluna teve a informação de que Theodoro e Kaefer sentarão neste final de semana para uma conversa sobre o futuro do PSDB.



04/10/2013 14h23

Prefeito deverá encaminhar projetos a Câmara para solucionar problemas

Compartilhe


A prefeitura de Cascavel depois de "levar pau" em três tentativas de derrubar a liminar que suspendeu a Lei de adequação de cargos dos nomeados e na revisão do Plano de Cargos, Carreira e Salários dos Servidores no Tribunal de Justiça do Paraná, trabalha novamente em outro recurso para impetrar junto ao TJ, mais uma tentativa.

NOVOS PROJETOS
Mas nem tudo está perdido! É voz corrente nos corredores da Câmara e da Prefeitura que o prefeito estuda junto ao corpo técnico do Executivo Municipal e seus aliados - vereadores -, a elaboração de novos projetos para enviar a Câmara em regime de urgência, urgentíssima.

SURPRESAS
Tais medidas estão sendo tomadas neste final de semana. Segundo informações de dentro do Executivo, na próxima semana os servidores poderão ter surpresas, uma vez que é voz corrente no Legislativo de que se o prefeito encaminhar os três projetos em separado para adequar os salários dos servidores, os vereadores aprovarão.



03/10/2013 17h39

Contradições marca oitiva da CPI da Saúde entre proprietário e engenhei

Compartilhe


Aconteceu há pouco a oitiva da CPI da Saúde da Câmara de Vereadores de Cascavel. O primeiro a ser questionados pelos membros da CPI foi o proprietário da empresa (Construtora), Amilto Falchemback, que construiu o prédio onde abrigará a UPA do Veneza. Sem responder muitos dos questionamentos e aparentando muito nervosismo, o proprietário da Construtora demonstrou falta de conhecimento de prestação de serviços a órgão Público.

VERBAL
Vários questionamentos da falta de aplicação de materiais e, ou a não aplicação, Amilto declarou que tudo foi feito de acordo com o que a Prefeitura exigia, mas de forma verbal. Ou seja, executava a obra como se fosse de cunho particular. Vários momentos, não conseguiu responder os questionamentos. Além de não saber os motivos que não foram empregados materiais e executado os trabalhos conforme o projeto estrutural.

ENGENHEIRO
Na oitiva do engenheiro da Obra, Marcelo Carneiro, os membros da CPI se depararam com várias contradições entre o projeto da Obra da UPA do Veneza com as explicações do engenheiro. Todavia, não foi somente essas contradições do engenheiro com o projeto. As contradições maiores foram as explicações do proprietário da Empresa com as explicações do engenheiro.

ACAREAÇÃO
Os membros da CPI, Presidente Gugu Bueno, relator João Paulo e membro, Jaime Vasata, chegaram a propor uma acareação entre o proprietário da Metrosul e o engenheiro, tamanha foram as contradições nas explicações.

CONCRETO
Um dos questionamentos que o engenheiro declarou que estava correto, foi o piso de concreto uzinado utilizado na obra, enquanto o solicitado seria módulos de concreto. Quis o engenheiro dizer que mudou o material especificado no projeto, porque é a mesma coisa. Será?

OUTRAS FALHAS
Quanto ao questionamento das Letras contratadas para colocar o nome na UPA, foram contratadas 19 letras, na UPA consta apenas 12. O restante salientou o engenheiro da construtora que fora trocado por outros serviços executados. {risos}....

"OS TONTOS"
Para quem assistiu o depoimento do proprietário da Metrosul, empresa que construiu a Obra da UPA do Veneza, pareciam os "tontos" a ver tanta bobagem dita por Amilto. Chegou a dizer que onde não foi aplicado os materiais, é porque fora feito acordos verbais. Já o engenheiro Marcelo, disse que possui documentos sobre as supostas trocas de materiais e serviços executados.



Luiz Nardelli
Casado com Margaret S. Nardelli, pai de Tarlliza Romanna Nardelli e Leonardo Romanno Nardelli, nasci em Paraíso do Norte (PR) e há de 39 anos moro em Cascavel (PR).

Este sou eu: Luiz Nardelli, 52 anos, técnico em estatística atuando como profissional da imprensa desde 2004. Graduado em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e pós-graduado em assessoria de imprensa. Iniciei a profissão como colunista político no jornal A Tribuna de Cascavel.

Desde então são 13 anos carimbando opiniões em impressos como: Extra Paraná, jornal Gazeta do Paraná, Jornal O Estado do Paraná-Curitiba, A Tribuna de Cascavel e no semanário Manchete Popular.

Atualmente com uma coluna no Portal, catve.com/luiz-nardelli . Em programas de TV, integrei o programa Sala de Debates com o legendário (in-memórian) Joel Damásio e o polêmico Laerson Matias no Canal 21/Catve. No Grupo Catve estou há mais de 11 anos como apresentador do programa Sala de Debates e posteriormente com o Bate Rebate e EPC.

Atualmente divido a bancada do programa EPC (Esporte, Política e Cidadania) na Catve/FM 91.7 e Catve/TV, transmitido das 18 às 19 horas diariamente. No EPC tenho a parceria de Jorge Guirado, diretor do Grupo de Comunicação Catve e Geraldo Magela.

Jornalista, repórter, apresentador, locutor, comunicador. Do que depender deste profissional, informações, opinião e notícias não faltarão aos leitores, ouvintes, telespectadores e nas Redes Sociais. Espero você aqui!

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111




COPYRIGHT CATVE.TV | 2011 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MOBILE READY