17/04/2014 17h49

Paulo Bebber é afastado da Câmara pelo Presidente

Compartilhe


O vereador Paulo Bebber (PR) protocolou há pouco na secretaria da Câmara a sua volta a vereança.
Bebber havia pedido licença quando o suposto caso de pedido de propina veio à tona, porém seu pedido de reintegração, a Câmara de Vereadores foi protocolado na Câmara e em menos de uma hora, após o protocolo o Presidente da casa, Márcio Pacheco deferiu o afastamento do vereador, pautado no artigo 67 do regimento interno da Câmara, que diz:

"O Presidente poderá afastar de suas funções o vereador acusado, desde que a denuncia seja recebida pela maioria absoluta dos membros da câmara, convocando o respectivo suplente, até o julgamento final".

Fez o que a lei do Regimento interno determina



17/04/2014 16h02

Paulo Bebber assume o gabinete daqui a pouco

Compartilhe


O vereador Paulo Bebber (PR) que pediu licença logo após o estouro da gravação de suposto pedido de propina, para articulação na votação de uma área rural para área urbana (Loteamento Riviera), depois de cerca de 30 dias afastado, volta no final desta tarde (17), a ocupar a cadeira de vereador. Com isto o suplente Celso Dal Molin, que ora ocupa a vaga de Bebber deverá passar a Páscoa sem ser vereador. Todavia há rumores de que até terça-feira (22), muitas coisas poderão acontecer, até mesmo Paulo Bebber participar da sessão que inicia-se às 9h30 como se afastado a pedido do presidente na justiça, poderá ter que dar nova posse a Dal Molin.



16/04/2014 17h25

Presidente Pacheco enaltece postura de vereadores

Compartilhe


O presidente da Câmara de Vereadores de Cascavel, Márcio Pacheco (PPL), após todos os discursos proferidos na sessão de ontem (15), entre membros de situação e oposição, foi a tribuna e elogiou a postura dos mesmos, já que pelo visto uma trégua entre oposição e situação foi encaminhada dentro do legislativo cascavelense depois dos últimos acontecimentos. Pacheco enalteceu a postura de Rui Capelão, que havia sofrido um "massacre" na segunda-feira dos vereadores da base, contudo aproveitou para enaltecer também a postura daqueles que no dia anterior haviam "incendiado" com os discursos dirigidos a Capelão.



16/04/2014 16h23

Rui Capelão usa a tribuna e não ataca vereadores da situação

Compartilhe


O vereador Rui Capelão (PPS) usou a tribuna da Câmara de Vereadores ontem (15), e fez sua defesa ao "pito" que tomou do vereador Luiz Frare (PDT) na segunda-feira (14). "Nós devemos ser éticos, é o mínimo que a população que confiou seu voto em nós espera".

A íntegra do discurso do vereador.

Imagens: Câmara Municipal de Cascavel



14/04/2014 19h04

Paulo Porto: nosso foco deve ser o suposto caso de propina

Compartilhe


"Nós tivemos há um tempo atrás uma denúncia de todos os vereadores da base contra o Capelão, e agora uma denúncia do Capelão contra o Frare, e nós temos um caso escandaloso de propina e que não é frágil, e entendo que esse deve ser o foco dessa casa, o caso da propina que foi ou não cobrada por um vereador".

"Esse deve ser nosso único foco no momento, é o que a sociedade espera".



14/04/2014 18h38

Pacheco pede cautela aos vereadores em seus comportamentos

Compartilhe


Pacheco fez uso da palavra para mencionar os últimos fatos que ora vêm acontecendo no Legislativo cascavelense. Para ele o intuito do Legislativo não é as críticas entre vereadores, o debate é pertinente, porém vem se manchando ao longo desta legislatura com ataques pessoais, e que isso não é bom para o poder. Não disse com essas palavras, mas "cautela e caldo de galinha" não faz mal a ninguém.



14/04/2014 18h38

Vereador Gugu menciona hipocrisia de Capelão parafraseando filósofos

Compartilhe


O vereador Gugu Bueno (PR) bater firme hoje (14), na tribuna da Câmara, quando mencionou na palavra livre o ato do vereador Rui Capelão (PPS) denunciar Luiz Frare (PDT) como coparticipante da empresa Onça Construtora denunciado no Conselho de Ética da Câmara de Vereadores na semana passada por Capelão. Utilizou de filósofos para contrapor a hipocrisia direcionada sobre o fato. Também utilizou de argumentos de um projeto contra o álcool para suscitar "se beber não dirija", "se dirigir não venha a Câmara".



14/04/2014 17h50

Frare se pronuncia sobre o desrespeito da denúncia sofrida por Capelão

Compartilhe


O vereador Luiz Frare (PDT) utilizou a tribuna da Câmara hoje (14) para relatar alguns fatos sobre a denúncia de Rui Capelão (PPS), em que alega que ele tem participação na empresa Onça Construtora, que venceu o processo licitatório da construção do terminal de passageiros do Aeroporto Municipal. Frare desancou para cima de Capelão e este ouviu calado.



11/04/2014 17h52

Defensores do vereador Paulo Bebber protocolam defesa na Câmara

Compartilhe


Nesta tarde (11), foi protocolado na Comissão Processante que investiga o caso Bebber (suposto pedido de propina para aprovação de projeto) que transformaria a área rural em área urbana para edificação de 2089 casas, no projeto Minha Casa Minha Vida da Caixa Econômica Federal.

TESTEMUNHAS
A defesa de Paulo Bebber arrolou como testemunhas a Comissão os seguintes nomes: Rogério Lunardelli, Josué Valério Mazzo, Marcus Vinícius Pires de Souza, vereadores Luiz Frare, Gugu Bueno, Jorge Menegatti e o presidente da Casa, Mário Pacheco. Também indicou Paulo Felipe Taborda Bebber, Fabiano Raduntz e Roque Maculan.

SOLICITAÇÃO
Paulo Bebber solicitou a perícia do áudio em que fora gravado, o extrato telefônico de todos os vereadores e dos telefones dos gabinetes dos mesmos, dos meses de novembro e dezembro de 2013, e janeiro e fevereiro 2014. Na petição protocolada a defesa alega que não se trata de quebra do sigilo telefônico sem permissão judicial, mas sim dos extratos dos telefones utilizados pelos vereadores, e que são da Câmara, e foi além, diz que reserva-se no direito de discutir o mérito da causa em momento processual e frisou que depois de ouvir todas as testemunhas e apresentação dos documentos solicitados ele também quer ser ouvido pela Comissão Processante da Câmara Municipal de Cascavel.



11/04/2014 10h04

Denúncia arquivada na Câmara de Cascavel, pode parar na Justiça

Compartilhe


A Câmara de Cascavel até o início de mês (abril), não possuía um Conselho de Ética ativado, o que existia tão somente era a Comissão de ética criada na década passada, porém, não havia membros (vereadores) designados para apurar quaisquer denúncia de quebra de decoro por parte de algum dos vereador.

DENÚNCIA
Em 02/12/2013 foi protocolada pela Comissão de Economia e Finanças da Câmara, Claudio Gaiteiro (PSL), Luiz Frare (PDT) e Walmir Severgnini (PROS), denúncia contra o vereador Rui Capelão (PPS) - que hoje integra como presidente a Comissão Processante que investiga o caso Bebber -, por suposta quebra de decoro parlamentar quando em plenário, usou palavras que no entendimento da comissão de Economia, denegriu a imagem dos vereadores.

ARQUIVAMENTO
A procuradoria da Câmara, durante esta semana deu parecer sobre a denúncia e indicou ao presidente o arquivamento, pois não havia consistência nas denúncias feitas pelos membros da Comissão. O que foi seguida pelo presidente, Marcio Pacheco. A denúncia foi arquivada.

NOVA SITUAÇÃO
Depois de ter dado publicidade 120 dias após a denúncia, os membros da Comissão de Finanças, analisam a possibilidade de entrar na Justiça contra a decisão do procurador da Câmara. Para isso, os vereadores pensam em contratar uma banca de advogados para decidir quais serão as medidas tomadas quanto ao caso.

COMISSÃO
Como o regimento da Câmara prevê que na criação das comissões no início de cada legislatura, (Cascavel conta com 10 comissões), também teria de ser designado os vereadores para compor a Comissão de ética, e isso não aconteceu, os vereadores poderão representar na Justiça o presidente da Casa que não cumpriu com o dever. O caso tá complicado por todos os lados na Câmara!!!



Luiz Nardelli
Casado com Margaret S. Nardelli, pai de Tarlliza Romanna Nardelli e Leonardo Romanno Nardelli, nasci em Paraíso do Norte (PR) e há de 39 anos moro em Cascavel (PR).

Este sou eu: Luiz Nardelli, 52 anos, técnico em estatística atuando como profissional da imprensa desde 2004. Graduado em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e pós-graduado em assessoria de imprensa. Iniciei a profissão como colunista político no jornal A Tribuna de Cascavel.

Desde então são 13 anos carimbando opiniões em impressos como: Extra Paraná, jornal Gazeta do Paraná, Jornal O Estado do Paraná-Curitiba, A Tribuna de Cascavel e no semanário Manchete Popular.

Atualmente com uma coluna no Portal, catve.com/luiz-nardelli . Em programas de TV, integrei o programa Sala de Debates com o legendário (in-memórian) Joel Damásio e o polêmico Laerson Matias no Canal 21/Catve. No Grupo Catve estou há mais de 11 anos como apresentador do programa Sala de Debates e posteriormente com o Bate Rebate e EPC.

Atualmente divido a bancada do programa EPC (Esporte, Política e Cidadania) na Catve/FM 91.7 e Catve/TV, transmitido das 18 às 19 horas diariamente. No EPC tenho a parceria de Jorge Guirado, diretor do Grupo de Comunicação Catve e Geraldo Magela.

Jornalista, repórter, apresentador, locutor, comunicador. Do que depender deste profissional, informações, opinião e notícias não faltarão aos leitores, ouvintes, telespectadores e nas Redes Sociais. Espero você aqui!

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112




COPYRIGHT CATVE.TV | 2011 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MOBILE READY