10/06/2016 12h23

Aventura! A subida ao vulcão Licancabur

Compartilhe


O vulcão Licancabur localizado no deserto de Atacama na divisa do Chile com a Bolívia, com altitude de 5920 m acima do nível do mar, tem uma subida muito dura pela sua inclinação com cerca de 38° e 1500 m de desnível e com temperaturas inferiores a -7°C.

O Extreme Sports esteve por lá e pode conferir de perto sua dificuldade, mas com um visual recompensador, e hoje você pode conferir este lugar incrível através das nossas imagens.

Confira como foi essa experiência incrível. Por Douglas Zubéldia.















04/06/2016 16h25

Giro pela Patagônia em um tapa

Confira tudo isso no divertido vídeo que resume os lugares incríveis

Compartilhe


Sabe o que acontece quando você junta as agulhas escarpadas do Frey, a enorme "Piedra Parada", o extenso Cânion La Buitrera, mais algumas vinículas e estradas?

Confira tudo isso no divertido vídeo que resume os lugares incríveis onde a Expedição CATVE Patagônia esteve presente.

Estamos nos preparando para mais um imperdível projeto com destinos de tirar o fôlego e aventura garantida.

Acompanhe no BLOG.










21/03/2016 12h08

Equipe da Extreme Sports escalando as escarpadas agulhas patagônicas

Compartilhe


A área de escalada do Refúgio Frey compreende dois fundos de vale, verdadeiros anfiteatros separados por um colo, um deles com uma bela lagoa. As cristas são coroadas por uma infinidade de agulhas e paredes de granito alaranjado de altíssima qualidade. As vistas panorâmicas de algumas agulhas são de tirar o fôlego. É terra de condores e é comum tê-los circulando sobre a cabeça enquanto se escala. Durante os meses de verão esse lugar é um pequeno paraíso.

Chegamos em Bariloche, na Argentina, Daniel, Fabi, Monique e Eu e fomos direto procurar pelo Sr. Pirincho, um dos desbravadores da região que oferece um serviço de carregamento usando mulas e cavalos e quando chegamos lá encontramos com um casal de amigos de Foz do Iguaçu, o Zangão e a Lucélia, que integraram parte da equipe de escaladas às escarpadas agulhas.
Acertamos tudo com o Sr Pirincho e iniciamos a subida na manhã seguinte bem cedo. Sairíamos caminhando do estacionamento do Cerro Catedral e nos dirigindo ao refúgio Frey, cerca de 14km de trilha carregando parte do equipamento nas nossas mochilas. O restante dos equipamentos mais os mantimentos subiriam com os cavalos do Sr Pirincho no mesmo dia.

A dificuldade da trilha, o calor do sol e o peso da mochila que começavam a desgastar o corpo eram facilmente compensados por paisagens deslumbrantes, atravessando pontes por rios cristalinos, montanhas nevadas, agulhas de rocha e verdes vales, incrível o poder da natureza.

Ao chegarmos ao refúgio encontramos várias barracas já instaladas e já era possível ver alguns escaladores nas vias em diferentes agulhas à distância e nosso animo se redobrou. Logo nos informamos sobre as regras do local e fomos procurar um bom local para fazer nosso acampamento, enquanto aguardávamos a chegada de nossos mantimentos.

Conversando com o Zangão descobrimos que o Sr Pirincho era um dos desbravadores da região e que havia ajudado a construir o refúgio Frey. No vídeo você confere alguns trechos da emocionante entrevista feita pelo amigo Zangão sobre a história do Refúgio, localizado a 1700 metros do nível do mar, no Cerro Catedral, é um dos mais visitados e também um dos lugares onde se concentram escaladores do mundo todo. Ali seria o nosso "Campo Base", de onde partiríamos caminhando entre os pedregulhos para atingir o pé das diversas agulhas, iniciar a escalada, rapelar e retornar a caminhada. Tarefa para um dia todo, saindo bem cedo e voltando quase ao final do dia, antes de escurecer.

Após tudo montado, nos alimentamos e descansamos para no dia seguinte dar início as diversas escaladas que estavam no projeto. Eu e a Monique estávamos pela primeira vez ali, mas sabíamos que seríamos contemplados por escaladas em fendas perfeitas e visuais incríveis nas diferentes possibilidades de vias. Estávamos preparados física e psicologicamente, e logicamente ansiosos, mas tínhamos a companhia de dois amigos que já tinham experiência com as Escaladas ali e que nos direcionaram para que escalássemos apenas as vias mais divertidas, as que realmente valiam a pena, ou seja, as consideradas 5 estrelas.

Uma dessas escaladas você também confere no vídeo: a tradicional via "Del Frente" na Agulha Philip Heron. Uma via inteira em móvel de 3 enfiadas de corda com um sistema de fendas do início ao fim, simplesmente fantástica!

Tem muito mais escalada patagônica no próximo post! ACOMPANHE!

Por

Roberto Lazzari Junior.










14/02/2016 23h26

Expedição Atacama - Refúgio na Bolívia

Compartilhe


Depois de entrar na Bolívia segui para a entrada do Parque Nacional Eduardo Avaroa, lá é cobrado uma entrada de 150,00 pesos bolivianos, cerca de 117,00 reais.
Junto do parque fica o refúgio de montanha onde eu me hospedei, o lugar é simples, não tem luz, e nem banho quente, mas possui uma refeição simples e muito boa e para quem gosta de provar uma carde diferente, eles servem carne de Lhama, bem parecida com a de ovelha.
Confira nas imagens como é o lugar para quem vai subir os vulcões da região.






30/01/2016 16h57

Expedição Patagônia no trekking da maior montanha da América

Compartilhe


Após termos aclimatado alguns dias na região do Vallecitos, seguimos em direção a maior montanha da América e de todo o hemisfério sul: o Aconcágua!
As estradas da Argentina são famosas por serem predominantemente retas e de boa qualidade, com pedágios muito mais baratos do que no Brasil, mas nem tudo são flores! A maior parte do trecho não possui acostamento e é preciso ficar sempre ligado no tanque de combustível, tendo em vista os longos trechos sem postos de serviço e até mesmo sem civilização. No caminho para o Aconcágua nos deparamos com alguns bloqueios na pista causados por desbarrancamento de pedras devido as enchentes. Mas apesar de todos os imprevistos as belíssimas paisagens compensam tudo.
Proveniente da língua Quechua, a palavra Akon-Kuak, significa "Sentinela de Pedra" e a sua imponência faz jus ao nome. Com quase 7.000 metros de altitude, o Aconcágua é a montanha mais alta fora da Ásia.
Nossa missão lá teve um objetivo de reconhecimento: das trilhas, possibilidades de ascensão, locais de acampamento, valores das permissões, documentação necessária e todo o tipo de informações e dicas necessários para o planejamento de uma futura expedição, já que, como gostamos da aventura em caráter exploratório, sempre fazemos tudo por conta própria, ou seja, não contratamos guia.
Mas além de tudo, acreditamos que as melhores coisas da vida são simples e alguns pequenos momentos também nos marcaram muito nessa experiência fantástica: confira no vídeo!
No próximo destino desembarcaremos na Patagônia, que é o objetivo principal de toda a expedição... não perca!

FIBRAAAP.
Por Roberto Lazzari Junior.



25/01/2016 16h17

Chegada na Bolívia - Expedição Atacama

Compartilhe


Depois de alguns dias tentando aclimatar no Chile fazendo alguns trekkings até 4500m, parti para a Bolívia.

A primeira investida fui com meu carro, conforme o planejado, porém não me permitiram entrar pois eu deveria fazer uma documentação 80km para dentro da Bolívia e depois retornar até a aduana para regularizar minha entrada de carro.

Acabei desistindo pois estava de carro baixo, o que inviabilizava devido ao risco de atolar o carro, por causa das, mas condições das estradas de chão daquela região e por causa das histórias sobre propinas cobradas pelos policiais.

Voltei então a San Pedro e contratei uma empresa de turismo local para fazer o meu translado. A mesma empresa também fez a contratação do guia boliviano, que é obrigatório para quem vai tentar subir o vulcão Licancabur.

Confira as imagens da aduana boliviana desta região.

Por: Douglas Zubéldia




22/01/2016 11h06

Equipe trabalha duro após retornar da Expedição Patagônia

Compartilhe


A Equipe do Blog Extreme Sports está de volta ao Brasil e está trabalhando duro para editar e publicar o excelente material produzido na Expedição Patagônia. Brincadeiras à parte no vídeo, poucos sabem mas, é muito difícil trabalhar com edição de vídeos em alta qualidade nos setores de escaladas e lugares remotos por onde passamos, pois normalmente não temos acesso à energia elétrica quem dirá a internet.

A Expedição Patagônia foi muito mais do que objetivos atingidos na escalada e cumes de várias montanhas, ela rendeu aprendizados únicos, paisagens incríveis, imagens de tirar o fôlego, vários sorrisos e muito mais que em breve estaremos compartilhando com todos vocês aqui no BLOG.

Obrigado a todos pelo apoio.

Continue com a gente!

FIBRAAAP.

Por Roberto Lazzari Junior.




28/12/2015 17h31

Aclimatação na Cordilheira dos Andes

Compartilhe


Uma noite em Mendoza e seguimos na manhã seguinte para o Refúgio de Montanha San Bernardo. Após 2300km de viagem chegamos enfim à Cordilheira do Andes!
O plano era realizar aqui algumas montanhas para aclimatação, já que estava no caminho para o nosso destino: Patagônia. Como minha família me acompanhou até esta etapa da viagem, coloquei todos para conhecer um pouquinho do Andinismo aqui na região do Vallecitos e passar uma noite acampados a 3200 metros de altitude em meio a paisagens paradisíacas!
Confira no vídeo como foi essa etapa da expedição.

Continue nos acompanhando.

Por Roberto Lazzari Junior.









24/12/2015 01h29

De Carro até San Pedro de Atacama

Compartilhe


Após 2100km rodados, chegamos em San Pedro de Atacama, a viagem teve imprevistos por causa de reformas nas rodovias, mas nada que alguns quilômetros a mais e ajuda do GPS, não desse para ser resolvido. Durante a viagem filmei parte das rodovias por onde passei, e coloquei em um vídeo bem legal. Quem assistir vai até querer encarar essa viagem de carro.







23/12/2015 11h26

Chegamos em Santa Fé - Argentina

Compartilhe


Saímos cedo de Cascavel no dia de ontem (22) mas tivemos um imprevisto com documentação na Aduana da Argentina e tivemos um tempo de espera de 6 horas em Foz do Iguaçu até que o problema fosse resolvido. O plano era viajar até a cidade de Santa Fe e passar a noite hospedado para recuperar as energias e seguir viagem no dia de hoje (23), mas devido ao atraso chegamos aqui somente hoje pela manhã, após 1200km rodados decidimos manter os planos, ou seja, mesmo sem pernoite seguiremos direto pra Mendoza (mais 1000km aproximadamente ).
A viagem foi bem exaustiva até aqui não só pelo atraso, mas também devido as fortes tempestades durante nosso deslocamento.
Se tudo correr bem, a noite estaremos no refúgio de montanha.

Obrigado a todos pela energia positiva e por nos acompanhar no blog! Abraços.

Por Roberto Lazzari Jr.




Extreme Sports

Douglas Zubéldia

Douglas Zubéldia, 30 anos, casado. Formado em Educação Física pela Faculdade Assis Gurgacz (FAG) e com especialização em Avaliação Física e Prescrição de Exercícios para Populações Especiais. Trabalha como Personal Trainer no Studio Health.

Apaixonado por esportes outdoor, é aficionado por escalada esportiva e também praticante de montanhismo. Escalador desde 2007, encontrou nessa prática uma forma de estar em contato direto com a natureza e fugir da rotina do mundo moderno.

Acredita que qualquer um que goste de estar no meio da natureza pode participar do universo do montanhismo, basta procurar a orientação correta. Incentivador do esporte está sempre disposto a ensinar aqueles que têm interesse em começar.



Roberto Lazzari Junior

Roberto Lazzari Junior é Educador Físico especializado em Treinamento Desportivo e Personalizado pela Faculdade Assis Gurgacz. Proprietário da academia Equilíbrio Vertical, trabalha como Instrutor de Pilates e Escalada.

Montanhista por paixão, tem como foco as escaladas tradicionais. Já participou de várias expedições pelo Brasil, Canadá, Patagônia, Cordilheira dos Andes e está sempre em busca de novos desafios.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27




COPYRIGHT CATVE.TV | 2011 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MOBILE READY